Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/861
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Aspectos gerais da pesca e sua interação com pequenos cetáceos no estuário amazônico
metadata.dc.creator: MARTINS, Bruna Maria Lima
metadata.dc.contributor.advisor1: LIMA, Neusa Renata Emin de
Issue Date: 2011
Citation: MARTINS, Bruna Maria Lima. Aspectos gerais da pesca e sua interação com pequenos cetáceos no estuário amazônico. Orientadora: Neusa Renata Emin de Lima. 2011. 82 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Oceanografia) – Faculdade de Oceanografia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2011. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/861. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A interação da pesca com as populações de cetáceos contempla aspectos positivos e negativos. Nesse cenário, a captura acidental representa alto risco à conservação de cetáceos em todo mundo. Pequenos cetáceos costeiros são mais suscetíveis às interações com redes de pesca. Entretanto, a carência no conhecimento relacionado a interação da pesca com os pequenos cetáceos na Costa Norte, adicionados ao elevado potencial pesqueiro da região, motivam os estudos e monitoramento dessa atividade. A fim de iniciar o esforço para o conhecimento da pesca e as interações entre pequenos cetáceos no estado do Pará, realizou-se entrevistas semiestruturadas na costa leste da Ilha de Marajó e na APA Algodoal/Maiandeua no período de novembro de 2009 a novembro de 2010. Os questionários foram aplicados a 58 e 30 pescadores artesanais nas duas respectivas áreas. Dos entrevistados, a maior parte utiliza embarcações do tipo canoa e barco de pequeno porte. Em ambas as áreas, a rede de espera é a mais utilizada. O comprimento das redes variou entre 150-5000m, altura de 2-7m, malha de 20-75 mm e o tempo de imersão é, em média, de 3,5h em ambas as áreas estudadas. Foram reconhecidas quatro espécies de pequeno cetáceos que interagem com a pesca nas áreas contempladas. Todos os entrevistados afirmaram que o boto-vermelho (Inia geoffrensis) “atrapalha” a pescaria, retirando o pescado da rede e danificando o artefato. E alegam que o boto-cinza (Sotalia guinanesis) auxilia na atividade, indicando e/ou cercando o cardume. Os entrevistados relataram a ocorrência de capturas acidentais em redes de espera para S. guianensis e I. geoffrensis, os mesmos referem-se a eventos de encalhe como consequência dos emalhes em redes. Os exemplares capturados acidentalmente são descartados inteiros ou aproveitados, retirando-se: olhos, dentes e genitálias; costumes esses relacionados à cultura amazônica e seus misticismos. A utilização da gordura dos botos foi citada com fins medicinais e um número reduzido de pescadores afirmaram já ter consumido a carne, o que não representa um hábito comum na região. A utilização das carcaças como isca para espinhel foi registrada e referem-se em sua maioria a um hábito mais antigo, quando tal prática era mais intensa, porém os informantes relatam que o boto-cinza e a tunina (Tursiops truncatus, Steno bredanensis), são arpoadas e utilizadas como isca em municípios próximos. A continuidade no levantamento das artes de pesca e seu impacto sobre os botos na região amazônica deve considerar as particularidades da área, tomando-a como base para futuras ações que visem a conservação dos pequenos cetáceos.
Abstract: The interaction between fishery and cetacean populations contemplates positive and negative aspects. Therefore, the bycatch represents a high risk to cetacean conservation in the whole world. Small coastal cetaceans are more vulnerable to interactions with gillnets. Hitherto, the lack of knowledge related to the interactions between fisheries and small cetaceans at the Brazilian North Coast, added to the high fishing potential of the region, motivate studies and monitoring of this activity. In order to begin the effort to the knowledge of fishery and the interactions with small cetaceans at the Pará State, there were made semi-structured interviews at the east coast of Ilha de Marajó and APA Algodoal/Maiandeua from November 2009 to November 2010. The questionnaires were applied with 58 and 30 artisanal fishermen in the two respectively areas. Among the interviewed, the majority used vessels of the type ”canoa” and small-sized boats. In both areas, the gillnet is the most used. The net length ranged between 150-5000mm, height of 2,7m, mesh size 20-75mm and the immersion is, in average of 3,5h in both areas. Four species of small cetacean were recognized in the contemplated areas. All the interviewed affirmed that the boto (Inia geoffrensis) “disturbs” the fishery, taking the fish off the gillnet damaging the artifact. And they claim that the Guiana dolphin (Sotalia guianensis) helps the activity, pointing and/or surrounding the school. The interviewed reported the ocurrence of by catches in gillnets for S. guianensis and Inia geoffrensis, the fishermen refers to the strandings as consequences of the driftnets. The caught specimens accidentally are entirely discarded or taken, removing: eyeballs, teeth, and genital, that costumes are related to the Amazonic culture and its mysticisms. The use of dolphin fat were quoted with medical purposes and in reduced number some fishermen affirmed to have eaten meat, which is not a usual habit at the region. The use of carcasses as long-line bait were recorded and report to a more antique habit, when such practice wasmore intense, the informers report that the Guiana dolphin and the “tunina” (Tursiops truncatus, Stenno bredanensis), are harpooned and used as baits in the nearby towns. The continuity of the fishery arts survey and their impact on the dolphins at Amazon region must regard the particularity of each area, taking it as base to future actions aiming the conservations of small cetaceans.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::OCEANOGRAFIA
Keywords: Pesca
Cetáceo
Boto - Mamífero aquático
Pará - Estado
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Oceanografia - FAOC/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AspectosGeraisPesca.pdf1,45 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons