Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/771
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Desaguar em raízes aéreas: o corpo nas experimentações do processo de criação colaborativo do espetáculo mARESia
metadata.dc.creator: CRUZ, Marina Trindade
metadata.dc.contributor.advisor1: SOUZA, Luiza Monteiro e
Issue Date: 24-May-2014
Citation: CRUZ, Marina Trindade. Desaguar em raízes aéreas: o corpo nas experimentações do processo de criação colaborativo do espetáculo mARESia. Orientadora: Luiza Monteiro e Souza. 2014. 80 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Dança) – Escola de Teatro e Dança, Instituto de Ciências da Arte, Universidade Federal do Pará, Belém, 2014. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/771. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa desvela as escolhas teóricas e os procedimentos metodológicos do processo de criação colaborativo do espetáculo ―mARESia‖, realizado pelo grupo Projeto Vertigem que busca sua poética na transversalidade de linguagens artísticas. Com intuito de direcionar-se à compreensão do processo de aprendizagem do intérprete-criador inserido em uma criação colaborativa, que lança mão da experimentação como principal estímulo do movimento criador. Assim, com base na minha prática artística e a partir do conhecimento que encontrei na academia, principalmente sobre a arte na contemporaneidade e as novas tendências para este ensino, proponho refletir: de que forma o processo colaborativo e experimental nas artes da cena podem contribuir para aprendizagem dos intérpretes-criadores? Para tanto, lançarei o olhar sobre dois momentos do processo de criação: as experimentações realizadas na Ilha do Marajó e a análise dos laboratórios de criação que propus posteriormente, experiências realizadas a partir do estudo de mitologias das orixás Nanã, Iemanjá e Oxum, aprofundando o entendimento sobre arquétipos femininos nas mitologias com a concepção da autora Clarissa Pinkola Estés. Estudos sobre experimentação e processos de criação colaborativa na contemporaneidade foram realizados a partir dos autores: Fayga Ostrower (1987), Cecília Salles (2004), Lenora Lobo (2008), Waldete Freitas (2012), Ana Flávia Mendes (2010) e Eleonora Leal (2012). Analisar este processo de criação aponta para reverberações na formação das intérpretes-criadoras envolvidas, discutirei esse tema com base no pensamento do pedagogo e pesquisador espanhol Jorge Larossa Bondía (2002), com algumas concepções do educador Paulo Freire e as pesquisas das artistas da dança e educadoras Isabel Marques (2007) e Marcia Strazzacappa (2006). Esta pesquisa, inserida na linha relacionada ao ensino de poéticas e processos de encenação, apresenta o foco na análise da criação para então refletir sobre o corpo do intérprete-criador, parto do lugar de observadora-participante inspirada na etnopesquisa crítica. Disserto sobre os caminhos para a criação, na observação do corpo plural construído através de suas experiências, constatando que todo processo de criação tem potencial para ser uma experiência transformadora, que possibilite ao intérprete-criador refletir sobre a construção de sua autonomia e liberdade.
Abstract: This research reveals the theoretical choices and methodological procedures of the collaborative creation of the show "mARESia" process performed by the group Projeto Vertigem which seeks in his poetic transversal artistic languages. With aim of strive towards understanding the learning of the performer-creator entered into a collaborative creation, which makes use of experimentation as a main stimulus of creative movement process. So, based on my artistic practice and from the knowledge found in academia, especially about art in contemporary and new trends for this teaching, I propose to reflect: how collaborative and experimental process in the performing arts can contribute to learning of the performers-creators? For this, will cast the look on two moments of the creation process: the experimentations conducted on the Island of Marajó and analysis of breeding labs I proposed later experiments from the study of mythologies of orishas Nanã, Yemanja and Oshun, deepening the understanding about female in the mythologies with the conception of the author Clarissa Pinkola Estés archetypes. Studies on experimentation and processes of collaborative creation nowadays were made from the authors: Fayga Ostrower (1987), Cecilia Salles (2004), Lenora Lobo (2008), Waldete Freitas (2012), Ana Flavia Mendes (2010) and Eleonora Leal (2012). Analyze this process of creation points to reverberations in the formation of interpreters-creators engaged, will discuss this subject based on the thought of the Spanish researcher and pedagogue Jorge Larossa Bondia (2002), with some conceptions of the educator Paulo Freire and research the dance artists and educators Isabel Marques (2007) and Marcia Strazzacappa (2006). This research is embedded in line teaching and processes of poetic of staging focuses on the analysis of the creation to reflect on the body of the performer-creator, from the place of observer-participant inspired by the critical etnopesquisa. I write about the ways to create, on observing the plural body constructed through their experiences, finding that every creation process has the potential to be a transformative experience that enables the performer-creators reflect on the construction of their autonomy and freedom.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES::DANCA
Keywords: Dança - Criação artística
Espetáculo de dança
Dança teatral
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Curso de Dança - ETDUFPA/ICA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_DesaguarRaizesAereas.pdf3,04 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons