Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/667
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: O brincar e seus efeitos positivos no bem estar das crianças internadas no hospital municipal de Castanhal
metadata.dc.creator: SOUSA, Elis Simone Dias de
metadata.dc.contributor.advisor1: SABINO, Elianne Barreto
Issue Date: 2018
Citation: SOUSA, Elis Simone Dias de. O brincar e seus efeitos positivos no bem estar das crianças internadas no hospital municipal de Castanhal. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Pedagogia) -- Campus Universitário de Castanhal, Universidade Federal do Pará, Castanhal, 2018. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/667. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Não é de hoje que a palavra “hospital” está ligada a significados negativos para todo mundo. Se já era ruim ficar doente, pior ainda é ter que ficar internado nele, onde ficamos isolados e principalmente, onde o tempo parece não passar nunca. Quando se trata de uma criança então, os sentimentos são ainda mais intensos, pois ela muitas vezes não entende que apesar da aparência do lugar, ela precisa estar ali para sua melhora física, e aí começam as dificuldades, pois acaba se tornando extremamente difícil a ministração das medicações e a estadia da criança nesse ambiente, o que pode, por muitas vezes, acabar agravando o seu estado de saúde. Entra em cena então, a Pedagogia não escolar, que com a ajuda do pedagogo faz com que a internação da criança se torne mais suave por meio da brinquedoteca inserida nesse contexto. Neste sentido, o objetivo do trabalho é analisar como as práticas pedagógicas desenvolvidas na brinquedoteca do Hospital Municipal de Castanhal, têm papel importante no bem-estar e na recuperação das crianças hospitalizadas. Sendo assim, a pesquisa procura investigar a influência que as atividades lúdicas, realizadas por intermédio de práticas pedagógicas, trazem para o bem-estar e recuperação das crianças. A metodologia utilizada é a pesquisa qualitativa e o lócus da pesquisa foi o Hospital Municipal de Castanhal “Maria Laise Pereira”. Com o lúdico, as crianças têm a oportunidade de aflorar seus sentimentos, seus medos, anseios e assimilar melhor o período delicado pelo qual estão passando, esse também é um ótimo caminho para dar um novo significado ao tempo de hospitalização. Toda a ludicidade presente na brinquedoteca, distrai a criança e faz parecer que o tempo está passando mais rápido, tornando mais humana a relação médico-paciente e, melhor ainda, faz com que esse conceito ruim sobre hospital mude na visão delas e dos adultos, já que a criança acaba usando a sua imaginação para associar o hospital a um lado bom, facilitando assim todos os processos que contribuem para a sua cura.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Keywords: Pedagogia hospitalar
Ludicidade
Jogos infantis
Castanhal (PA)
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Pedagogia - FAPED/CCAST

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_BrincarEfeitosPositivos.pdf1,64 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons