Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/4288
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Posicionamento taxonômico da população de Pyrrhura sp. residente no município de Conde (BA) através de análise molecular
metadata.dc.creator: SANTOS, Giselle Silva dos
metadata.dc.contributor.advisor1: RÊGO, Péricles Sena do
Issue Date: 6-Jul-2022
Citation: SANTOS, Giselle Silva dos. Posicionamento taxonômico da população de Pyrrhura sp. residente no município de Conde (BA) através de análise molecular. Orientador: Péricles Sena do Rêgo. 2022. 25 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura Plena em Ciências Biológicas) – Faculdade de Ciências Biológicas. Instituto de Estudos Costeiros, Campus Universitário de Bragança, Universidade Federal do Pará, Bragança-PA, 2022. Disponível em:. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A espécie Pyrrhura griseipectus, endêmica do estado do Ceará, foi considerada durante quase 80 anos uma subespécie de Pyrrhura leucotis, só sendo reconhecida como unidade taxonômica independente em 2006. A espécie P. leucotis apresenta distribuição geográfica pela mata atlântica, com ocorrência comprovada nos estados da Bahia, Espirito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Atualmente, ambas as espécies apresentam algum nível de ameaça a extinção, reconhecidas por entidades conservacionistas nacionais e internacionais. Recentemente, pesquisadores da Bahia registraram a ocorrência de uma pequena população de periquitos do gênero Pyrrhura no município de Conde, litoral leste da Bahia. Com base em registros fotográficos, filmagens, gravações de áudios e relatos das comunidades locais Félix et al. consideram que esses espécimes pertencem ao táxon P. griseipectus. Porém, nenhuma análise molecular que corrobore com essa afirmativa foi realizada com essa população recém encontrada. Diante disso, o presente estudo teve como objetivo avaliar geneticamente o grupo de periquitos (Pyrrhura sp.) encontrados no município do Conde, na Bahia, através de sequências do genoma mitocondrial (região controle), afim de definir a qual espécie do gênero Pyrrhura pertence esta população. Nossos resultados apontam que os exemplares da população baiana apresentam haplótipos exclusivos e mais proximamente relacionados a um haplogrupo da espécie P. griseipectus. Os resultados obtidos pela matriz de divergência e pela topologia também corroboram a proximidade dos indivíduos da Bahia com a espécie P. griseipectus, nos permitindo considerar que ambos formam uma única unidade taxonômica. A exclusividade haplotípica pode sugerir que estes exemplares configurem uma população relictual e disjunta de P. griseipectus presente no Estado da Bahia. Este resultado traz grandes implicações para o entendimento da biogeografia desta espécie, abrindo possibilidades de novas ações na busca de novas áreas de ocorrência.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA::GENETICA ANIMAL
Keywords: Definição taxonômica
Dloop
Pyrrhura griseipectus
população disjunta
psitacídeos
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Ciências Biológicas - FBIO/CBRAG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_PosicionamentoTaxonomicoPopulacao.pdf625,41 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons