Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3831
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Abordagem hidrológica e geomorfológica na identificação da sustentabilidade hídrica das bacias hidrográficas afluentes do rio Guamá
metadata.dc.creator: KUBOTA, Nicolau Akio
metadata.dc.contributor.advisor1: LIMA, Aline Maria Meiguins de
metadata.dc.contributor.advisor1ORCID: https://orcid.org/0000-0002-0594-0187
Issue Date: 1-Jul-2021
Citation: KUBOTA, Nicolau Akio. Abordagem hidrológica e geomorfológica na identificação da sustentabilidade hídrica das bacias hidrográficas afluentes do rio Guamá. Orientadora: Aline Maria Meiguins de Lima. 2021. 96 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geologia) - Faculdade de Geologia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2021. Disponível em: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3831. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A bacia do rio Guamá, localizada no nordeste do estado do Pará, constitui a mais importante referência hídrica da região, contendo 19 municípios e uma vasta variedade de atividades socioeconômicas. Pela relevância buscou-se avaliar a paisagem natural da bacia, considerando seus aspectos hidrogemorfológicos associados as formas de uso da terra, identificando as vulnerabilidades existentes. A metodologia constou da integração cartográfica em Sistema de Informações Geográficas (SIG), associando os aspectos relativos à paisagem natural - unidades geológicas, geomorfológicas, topográficas, rede de drenagem e distribuição da precipitação pluviométrica; ao produto das formas de intervenção antrópica (uso e ocupação da terra). Os resultados obtidos identificaram que a região apresenta uma dinâmica natural crescente do Alto para o Baixo Guamá, com variações nas sub-bacias afluentes. O Baixo Guamá tem um diferencial por ser uma foz com influência de maré, e que recebe próximo a sua desembocadura, na baia do Guajará, os rios Moju e Acará. As unidades geomorfológicas presentes são fortemente associadas ao controle geológico, assim como a rede de drenagem, que é a principal definidora do escoamento superficial e do grau de dissecação/acumulação sofrido pelas formas de relevo. No referente a sustentabilidade hídrica a região de maior comprometimento pelas características de uso da terra e vulnerabilidade natural, seria o Alto Guamá e a sub-bacia de Mãe do Rio; o Baixo Guamá e o rio Bujarú, diferenciam-se pela manutenção da cobertura vegetal, que garante uma melhor recarga hídrica.
Abstract: The Rio Guamá basin, located in the northeast of the state of Pará, constitutes the most important water reference in the region, containing 19 municipalities and a wide variety of socioeconomic activities. Due to its relevance, we sought to evaluate the natural landscape of the basin, considering its hydrogemorfological aspects associated with the forms of land use, identifying the existing vulnerabilities. The methodology consisted of the cartographic integration in Geographic Information System (GIS), associating aspects related to the natural landscape - geological, geomorphological, topographic units, drainage network and distribution of rainfall; to the product of the forms of anthropic intervention (land use and occupation). The results obtained identified that the region presents an increasing natural dynamics from Alto Guamá to Baixo Guamá, with variations in the affluent sub-basins. The Baixo Guamá has a differential because it is outfall is influenced by the tide, and which receives close to its outfall, in the Baía do Guajará, the Moju and Acará rivers. The geomorphological units present are strongly associated with geological control, as well as the drainage network, which is the main definer of surface runoff and the degree of dissection / accumulation suffered by landforms. With regard to water sustainability, the region with the greatest commitment due to the characteristics of land use and natural vulnerability would be the Alto Guamá and the Mãe do Rio sub-basin; the Baixo Guamá and the Bujarú River, are distinguished by the maintenance of the vegetation cover, which guarantees a better water recharge.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Keywords: Hidrogeomorfologia
Unidades de Paisagens
Uso e Ocupação da Terra
Hydrogeomorphology
Landscape Units
Land Use and Occupation
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Geologia - FAGEO/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AbordagemHidrologicaGeomorfologica.pdf12,53 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons