Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3757
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Avaliação da atividade alelopática de extratos de Acmella brachyglossa Cass. (Asteraceae)
metadata.dc.creator: MOREIRA, Luana da Conceição
metadata.dc.contributor.advisor1: GARCIA, Magali Gonçalves
metadata.dc.contributor.advisor1ORCID: https://orcid.org/0000-0002-3166-2483
Issue Date: 13-Dec-2018
Citation: MOREIRA, Luana da Conceição. Avaliação da atividade alelopática de extratos de Acmella brachyglossa Cass. (Asteraceae). Orientadora: Magali Gonçalves Garcia. 2018. 51 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciado em Ciências Biológicas) - Campus Universitário de Altamira, Universidade Federal do Pará, Altamira, 2018. Disponível em: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3757. Acesso em: .
metadata.dc.description.resumo: A Acmella brachyglossa Cass. (Asteraceae) conhecida popularmente como jambu é uma espécie utilizada na culinária paraense. Contudo, pouco se sabe sobre sua atividade fitoquímica. Nesse sentido, o objetivo desse estudo foi avaliar a atividade alelopática dos extratos aquosos e etanólicos, obtidos a partir das folhas e das flores do jambu, sobre a germinação e crescimento de alface (Lactuca sativa L.). Os bioensaios foram realizados com os quatro extratos: aquosos (folhas e flores) e etanólicos (folhas e flores). Cada bioensaio foi constituído por quatro tratamentos: o controle (com água destilada ou álcool etílico, dependendo do extrato) e três concentrações do extrato (20mg/mL, 60 mg/mL e 100mg/mL). Em cada tratamento foram utilizadas 4 placas de Petri contendo discos de papel filtro e, em cada uma delas, foram inoculadas 25 sementes de alface. Todos os bioensaios foram realizados em triplicatas. Em cada bioensaio os parâmetros analisados foram: índice de germinação (IG), índice de velocidade de germinação (IVG), comprimento do hipocótilo e comprimento de radícula. Os resultados obtidos nos testes de germinação foram submetidos a análise multivariada de ordenação por Análise de Coordenadas Principais e para os bioensaios de crescimento foi utilizada Análise de Variância Simples (ANOVA), sendo as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade. Houve retardo significativo (p<0.001) na germinação de sementes de alface submetidas ao extrato aquoso das folhas (60 e 100 mg/mL) e extrato aquoso das flores (100 mg/mL) e extrato etanólico das flores em todas as concentrações. Quanto ao crescimento inicial de plântulas de alface, o comprimento do hipocótilo sob o extrato aquoso das folhas apresentou estímulo na concentração de 20 mg/mL, entretanto as concentrações de 60 e 100 mg/mL reduziram o tamanho de forma significativa, já o comprimento da radícula houve redução em todas as concentrações quando comparadas com o controle. O comprimento do hipocótilo sob o extrato aquoso das flores, apresentou redução do tamanho apenas nas concentrações de 60 e 100 mg/mL e o comprimento da radícula houve estímulo na concentração de 20 mg/mL e obteve redução apenas na concentração de 100 mg/mL. O comprimento do hipocótilo sob o extrato etanólico das folhas houve redução nas maiores concentrações, enquanto o comprimento da radícula todas as concentrações reduziram o tamanho da radícula, quando comparados com o controle. Já o extrato etanólico das flores sobre o comprimento do hipocótilo somente a concentração de 60 mg/mL reduziu o tamanho do hipocótilo de plântulas de alface, enquanto para o comprimento da radícula, todas as concentrações reduziram o tamanho significativamente. Portanto, o jambu influencia na germinação e no crescimento inicial de plântulas de alface, apresentando potencial alelopático.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA::FISIOLOGIA VEGETAL
Keywords: Alelopatia
Jambu
Interação ecológica
Bioensaios
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source.uri: Disponível na internet via correio eletrônico: bibaltamira@ufpa.br
Appears in Collections:Faculdade de Ciências Biológicas - FCB/CALTA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AvaliacaoAtividadeAlelopatica.pdf1,65 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons