Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3566
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Sobre uma mulher quebrada: dança como memória de um improviso feminino
Other Titles: About a broken woman: dance as a memory of a female improvisation
metadata.dc.creator: JESUS, Nayara Silva de
metadata.dc.contributor.advisor1: FERREIRA, Mayrla Andrade
Issue Date: 2018
Citation: JUSES, Nayara Silva de. Sobre uma mulher quebrada: dança como memória de um improviso feminino. Orientadora: Mayrla Andrade Ferreira . 2018. 57 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Dança) – Escola de Teatro e Dança, Instituto de Ciências da Arte, Universidade Federal do Pará, Belém, 2018. Disponível em:. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A pesquisa busca compreender as relações entre dança e memória, se utilizando de um experimento de ensaio fotográfico, que tem o foco no corpo feminino como disparador para criações de imagens. A metodologia empregada corresponde aos estudos qualitativos segundo Marconi e Lakatos (2007) de pesquisas em artes partindo da concepção da obra “em processo”, “sendo feita”, em vez de analisá-la sob o viés de obra acabada, segundo Cecilia Salles (2007). Nesse sentido, a dança improvisação surge como elemento elo de encontro entre corpo-dança-memória de um ser feminino que atravessa diversos aspectos em seu contexto social e é atravessa dentro dele por outros contextos femininos. a dança como memória de um improviso feminino compreende as minucias do processo de criação a partir de um espaço de diálogos com mulheres, que fazem dança, cada uma com suas interpessoalidades de memorias, afetos e percepções (Merleau-Ponty, 1999) do corpo feminino que se movimenta no mundo contemporâneo.
Abstract: The research seeks to understand the relationships between dance and memory, if using a photographic experiment, which focuses on the female body as a trigger for imaging. The methodology used corresponds to the qualitative studies according to Marconi and Lakatos (2007) of researches in arts starting from the conception of the work “in process”, “being made”, instead of analyzing it under the finished work bias, according to Cecilia Salles (2007). In this sense, improvisation dance emerges as the elo-element of encounter between body-dance-memory of a female being that crosses several aspects in its social context and is crossed within it by other feminine contexts. As remembrance of a female improvisation comprises the minutiae of the process of creation from a space of dialogues with women, who dance, each with its interpessualities of memories, affections and perceptions (Merleau- Ponty, 1999) of the female body that moving in the contemporary world.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES::DANCA
Keywords: Dança - Processo criativo
Improvisação na dança
Dança - Narrativas pessoais
Etnografia
Dance - Creative Process
Improvisation in dance
Dance - Personal Narratives
Ethnography
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Curso de Dança - ETDUFPA/ICA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_MulherQuebradaDança.pdf2,11 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons