Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3533
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: O efeito da adubação verde em sistemas agroflorestais na melhoria da qualidade do solo no município de Pacajá-Pará
metadata.dc.creator: LISBOA, Sâmia Cristina de Lima
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA, Sandra Andréa Santos da
Issue Date: 29-Nov-2019
Citation: LISBOA, Sâmia Cristina de Lima. O efeito da adubação verde em sistemas agroflorestais na melhoria da qualidade do solo no município de Pacajá-Pará. Orientadora: Sandra Andréa Santos da Silva. 2019. 69 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia Florestal) - Faculdade de Engenharia Florestal, Universidade Federal do Pará, Altamira, PA, 2019. Disponível em: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3533. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Na Amazônia, os Sistemas Agroflorestais (SAFs) se apresentam como uma das melhores alternativa de agricultura sustentável quando comparados ao sistema tradicional, sendo os mesmo perfeitamente apropriados ao restabelecimento de florestas, além de representar uma forma mais comprometida com as questões ambientais atuais. O cultivo de agrofloresta em pequenas áreas favorece o plantio consorciado de plantas de ciclo curto, de consumo mais imediato ao mesmo tempo em que proporciona a regeneração da área pela permanência do conteúdo arbóreo. Nessas condições é necessária a compreensão dos mecanismos de conservação de nutrientes nas florestas que permitam sua exploração, e também a implantação de sistemas de produção vegetal sustentáveis, especialmente os de sistemas agroflorestais que formam uma estrutura semelhante às de vegetação natural. O trabalho teve como objetivo avaliar as dinâmicas dos atributos físicos e químicos do solo em dois períodos de amostragem (chuvoso e seco) em Sistemas Agroflorestais (SAFs) em comparação com solo em condições de vegetação secundária no município de Pacajá Pará. Os sistemas agroflorestais foram implantados no ano de 2016 em parceria com a Universidade Federal do Pará – Campus Altamira e Fundação Roberto Marinho pelo programa Florestabilidade que utilizaram a área para implantar uma unidade demonstrativa para região. O experimento desta pesquisa, foi realizado em blocos inteiramente casualizados (DIC), com três tratamentos, e esses tratamentos foram divididos em duas repetições denominadas em R1 e R2. As áreas onde foram implantadas os SAFs são de origem de vegetação secundária as quais foram submetidas ao processo de raleamento e parte desse sistema introduzido plantio do feijão guandu. Sendo assim, estão constituída nesta pesquisa os seguintes tratamentos: T1 Veg.Secundária ou testemunha, T2 ou SAF C/G área houve introdução de Guandu com nomenclatura e T3 ou SAF S/G que corresponde também área de SAF porém somente com raleamento sem uso de adubação verde. Os atributos químicos do solo diferiram entre os tratamentos independentemente do período. De modo geral, o T2 apresentou melhores resultados quanto aos atributos químicos no período chuvoso e seco e melhor descompactação do solo quando se avalia a DS de um período para o outro, apesar de não apresentar menor densidade, porém a redução ocorreu de forma mais acelerada quando comparado aos demais tratamentos. Os tratamentos analisados apresentaram melhor fertilidade no período seco em comparação ao chuvoso, sendo as áreas de SAFs superiores em nível de fertilidade em comparação a vegetação secundária. O resultado de melhor fertilidade para áreas de SAFs pode ser explicada pela implantação do sistema além papel importante que o feijão guandu promoveu ao solo, influenciando de forma significativa na fertilidade do local, devido ao aporte de nutrientes e de matéria orgânica deixada pelo desbaste da leguminosa, ocasionando melhor desempenho tanto na avaliação da densidade quanto aos valores dos atributos químicos analisados.
Abstract: In the Amazon, Agroforestry Systems (SAFs) are one of the best alternatives for sustainable agriculture when compared to the traditional system, and they are perfectly suited to the restoration of forests, and represent a more committed way to current environmental issues. The cultivation of agroforestry in small areas favors the intercropping of short-cycle plants, which are more immediately consumed while providing the regeneration of the area by the permanence of the tree content. Under these conditions, it is necessary to understand the mechanisms of conservation of nutrients in forests that allow their exploitation, as well as the implementation of sustainable crop production systems, especially those of agroforestry systems that form a structure similar to those of natural vegetation. The objective of this work was to evaluate the dynamics of soil physical and chemical attributes in two sampling periods (rainy and dry) in agroforestry systems (SAFs) compared to soil in secondary vegetation conditions in the municipality of Pacajá Pará. implemented in 2016 in partnership with the Federal University of Pará - Campus Altamira and Roberto Marinho Foundation for the Forestry program that used the area to deploy a demonstration unit for the region. The experiment of this research were performed in completely randomized blocks (DIC), with three treatments, and these treatments were divided into two repetitions named in R1 and R2. The areas where the SAFs were implanted are of secondary vegetation origin which were submitted to the grating process and part of this system introduced guandu bean planting. Thus, the following treatments are constituted in this research: T1 Veg.Secondary or control, T2 or SAF C/G area there was introduction of Guandu with nomenclature and T3 or SAF S/ G which also corresponds to SAF area but only with unused grating of green manure. Soil chemical attributes differed between treatments regardless of period. In general, T2 presented better results regarding the chemical attributes in the rainy and dry season and better soil decompression when evaluating the DS from one period to the other, although it did not present lower density, but the reduction occurred more rapidly when compared to other treatments. The analyzed treatments presented better fertility in the dry period compared to the rainy season, being the areas of SAFs superior in the fertility level compared to the secondary vegetation. The result of better fertility for SAFs areas can be explained by the system implantation besides important role that guandu bean promoted to the soil, significantly influencing the fertility of the site, due to the nutrients and organic matter input left by the legume thinning. , leading to better performance both in the density evaluation and in the values of the chemical attributes analyzed.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL
Keywords: Feijão guandu
Produtividade
Recuperação
Descompactação
Guandu Bea
Productivity
Recovery
Unpacking
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source.uri: Disponível na internet via correio eletrônico: bibaltamira@ufpa.br
Appears in Collections:Faculdade de Engenharia Florestal - FEF/CALTA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_EfeitoAdubacaoVerde.pdf2,38 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons