Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3152
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Avaliação da função pulmonar em pacientes tratados para tuberculose na cidade de Belém – Pará
metadata.dc.creator: NORONHA, Hirley Gabriel Reimão
ARAUJO, Yulle Di Paula Ribeiro
metadata.dc.contributor.advisor1: ALBÉRIO, Carlos Augusto Abreu
Issue Date: 2019
Citation: NORONHA, Hirley Gabriel Reimão; ARAUJO, Yulle Di Paula Ribeiro. Avaliação da função pulmonar em pacientes tratados para tuberculose na cidade de Belém – Pará. Orientadora: Carlos Augusto Abreu Albério. 2019. 74 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Medicina) - Faculdade de Medicina, Instituto de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019. Disponível em:https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3152. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A tuberculose (TB) é uma doença infectocontagiosa de curso crônico causada pelo Mycobacterium tuberculosis, transmitida por aerossol, curável e que pode ser prevenida. Em 2018, foram confirmados 956 casos em Belém-PA sendo, dessa forma, a quinta capital no Brasil em relação ao coeficiente de incidência. Sabe-se que essa enfermidade pode provocar sequelas pulmonares levando ao comprometimento da capacidade respiratória com graves repercussões na qualidade de vida dos pacientes. Foi realizado um estudo observacional, analítico e transversal no período de janeiro a dezembro de 2018. Este estudo visa avaliar as alterações na função pulmonar pela espirometria em pacientes tratados para TB no Hospital Universitário João de Barros Barreto (HUJBB), em Belém-PA. Foram utilizados os dados de 52 participantes que realizaram tratamento para tuberculose pulmonar (TBP). Foi aplicado um questionário contendo as características sociodemográficas, sinais e sintomas, comorbidades, raio-x de tórax e baciloscopia. Após a conclusão do tratamento, os pacientes foram submetidos a realização de uma espirometria para avaliação da função pulmonar. A maioria dos pacientes apresentou função pulmonar normal. Porém, em 46,2% pacientes foi observado que a função pulmonar se encontrava alterada. Dentre os padrões alterados, 19,3% restritivos, 17,4% obstrutivos e 9,5% obstrutivos com redução da CVF. Os fatores de risco para o desenvolvimento de distúrbio obstrutivo em pacientes tratados para TB foram tabagismo, etilismo e baixa escolaridade, enquanto, para o distúrbio restritivo, a presença de alta carga bacilar foi o mais importante. Portanto, uma grande quantidade de pacientes tratados para tuberculose apresenta algum tipo de disfunção respiratória, devendo ser submetidos à avaliação da função pulmonar, principalmente naqueles com fatores de risco, com o objetivo de identificar a necessidade de um acompanhamento multiprofissional de reabilitação pulmonar, procurando reduzir o impacto das sequelas respiratórias causadas pela infecção tuberculosa.
Abstract: Tuberculosis (TB) is a curable, preventable, and chronic infectious disease, transmitted by aerosol and caused by mycobacterium tuberculosis. In 2018, 956 new cases were confirmed in Belém-PA, thus being the fifth capital in Brazil in relation to the incidence coefficient. It is known that this disease can cause pulmonary sequelae leading to the impairment of respiratory capacity with serious repercussions on patients' quality of life. This is an observational, analytical and cross-sectional study that was conducted in 2018 from January to December. This study aims to evaluate changes in pulmonary function by spirometry in patients treated for TB at University Hospital João de Barros Barreto (HUJBB) in Belém-PA. We used data from 52 participants who underwent treatment for pulmonary tuberculosis (TBP). These patients answered a questionnaire containing the sociodemographic characteristics, signs and symptoms, comorbidities, chest x-ray and bacilloscopy. After completion of the treatment, patients underwent spirometry to assess lung function. Most patients had normal lung function. However, in 46.2% of patients, pulmonary function was altered. Among the altered patterns, 19.3% were restrictive, 17.4% obstructive and 9.5% obstructive with FVC reduction. The risk factors for the development of obstructive disorder in patients treated for TB were smoking, alcoholism and low schooling, while for the restrictive disorder, the presence of high bacillary load was the most important. Therefore, a large number of patients treated for tuberculosis present some type of respiratory dysfunction and should be submitted to evaluation of pulmonary function, especially in those with risk factors, in order to identify the need for a multiprofessional pulmonary rehabilitation follow-up, seeking to reduce the impact of respiratory sequelae caused by tuberculosis infection.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CLINICA MEDICA
Keywords: Tuberculose
Função pulmonar
Espirometria
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD ROM
Appears in Collections:Faculdade de Medicina - FAMED/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AvaliacaoFuncaoPulmonar.pdf1,14 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons