Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3113
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Avaliação da vulnerabilidade ambiental da costa Oeste da região do Salgado Paraense
metadata.dc.creator: PRATA, Tatiana Chagas
metadata.dc.contributor.advisor1: LIMA, Aline Maria Meiguins de
Issue Date: 29-Jan-2020
Citation: PRATA, Tatiana Chagas. Avaliação da vulnerabilidade ambiental da costa Oeste da região do Salgado Paraense. Orientadora: Aline Maria Meiguins de Lima. 2020. 50 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geologia) - Faculdade de Geologia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2020. Disponível em: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3113. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Objetivou-se, por meio do presente estudo, elaborar uma carta de vulnerabilidade ambiental da Zona Costeira oeste do Salgado Paraense considerando os processos costeiros naturais e os de influência antrópica que interferem no equilíbrio desta região. O crescente aumento de áreas desmatadas e a expansão da ocupação desordenada indicam a necessidade de estudos acerca das áreas mais vulneráveis a impactos ambientais potenciais, no auxílio ao planejamento regional. Utilizaram-se ferramentas de geoprocessamento para a análise do comportamento do terreno a partir da integração de diversas informações especializadas na forma de mapas e cartas temáticos (geologia, geomorfologia, pedologia, vegetação e uso e ocupação da terra), em um Sistema de Informações Geográfica (SIG). A distribuição das diferentes classes de vulnerabilidade foi determinada a partir de modelamentos por álgebra de mapas, nos quais foram adotados a atribuição dos pesos relativos entre os temas para analisar quantitativamente o quanto cada variável influencia a susceptibilidade a um impacto ambiental, por meio da metodologia do Processo Analítico Hierárquico (AHP) e o cruzamento dos diferentes mapas e cartas temáticos por álgebra de mapas. Além da carta de vulnerabilidade ambiental, também foram elaboradas as cartas de cobertura vegetal, de uso e ocupação da terra e de geomorfologia, a fim de avaliar a as características do terreno com maior e menor susceptibilidade às modificações. Por fim, os resultados obtidos demostram que cerca de 28,5% da área corresponde a áreas de vulnerabilidade muito alta a alta. Estas classes estão associadas solos rasos, áreas de maior dissecação, declividade e principalmente, a ocupações e atividades antrópicas significativas, como a concentração de áreas urbanas e a extração de areia. Essas áreas acarretam a atenção prioritária visando à determinação de medidas adequadas para o desenvolvimento sustentável e a reestruturação dos ambientes da região, buscando minimizar e evitar os impactos ambientais a fim de reduzir perdas ambientais, sócias e econômicas.
Abstract: The objective of the present study was to elaborate a chart of environmental vulnerability of the West Coastal Zone of Salgado Paraense considering the natural coastal processes and those of anthropic influence that interfere in the balance of this region. The growing increase in deforested areas and the expansion of disorderly occupation indicate the need for studies on the areas most vulnerable to potential environmental impacts, in order to assist regional planning. Geoprocessing tools were used to analyze the behavior of the terrain from the integration of various specialized information in the form of thematic maps (geology, geomorphology, pedology, vegetation and land use and occupation), in a Geographic Information System (GIS). The distribution of the different classes of vulnerability was determined from modeling by map algebra, in which the allocation of relative weights between themes was adopted to quantitatively analyze how much each variable influences susceptibility to an environmental impact, using the methodology of the Hierarchical Analytical Process (AHP) and the crossing of different maps and thematic maps by map algebra. In addition to the letter of environmental vulnerability, letters of vegetation cover, land use and occupation and geomorphology were also prepared in order to assess the characteristics of the land with greater and less susceptibility to changes. Finally, the results obtained show that about 28.5% of the area corresponds to very high to high vulnerability classes. These classes are associated with shallow soils, areas of greater dissection, declivity and mainly with significant human activities, such as the concentration of urban areas and the extraction of sand. These areas call for priority attention in order to determine appropriate measures for sustainable development and the restructuring of the region's environments, seeking to minimize and avoid environmental impacts in order to reduce environmental, social and economic losses.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Keywords: Vulnerabilidade ambiental
Geoprocessamento
Álgebra de mapas
Zona Costeira
Environmental vulnerability
Geoprocessing
Map algebra
Coast zones
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Faculdade de Geologia - FAGEO/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AvaliacaoVulnerabilidadeAmbiental.pdf4,1 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons