Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3104
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Aplicação de Receptores Global Navigation Satellite System (GNSS) com correção diferencial para determinação da maré
metadata.dc.creator: OKAJIMA, Leandro Masayuki Lustosa
metadata.dc.contributor.advisor1: GREGORIO, Aderson Manoel da Silva
metadata.dc.contributor.advisor-co1: ROSÁRIO, Renan Peixoto
metadata.dc.contributor.advisor-co1ORCID: https://orcid.org/0000-0003-2913-0514
Issue Date: 3-Dec-2019
Citation: OKAJIMA, Leandro Masayuki Lutosa. Aplicação de Receptores Global Navigation Satellite System (GNSS) com correção diferencial para determinação da maré. Orientador: Aderson Manoel da Silva Gregorio. 2019. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Oceanografia) - Faculdade de Oceanografia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019. Disponível em: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/3104. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A foz do rio Pará é um estuário localizado no nordeste paraense. Uma das suas principais importâncias se dá pelo fato dessa região ser entrada dos principais portos do estado do Pará, tendo o canal do Quiriri como passagem, que atualmente tem profundidade que permite a passagem de embarcações de até 13,8 metros. Especula-se que esses portos movimentam mais de 670 milhões de reais todos os anos. Os métodos de medir a maré são diversos, sendo um dos mais utilizados, a aplicação de marégrafos do tipo boia-contrapeso. Contudo, as metodologias tiveram um grande avanço nesse âmbito. Atualmente o GPS de dupla frequência ou DGPS (Differential Global Positioning System) possui elevada acurácia, devido suas medições basearem-se em duas constelações de satélites, as redes GPS (Global Positioning System) /GLONASS (Global Navigation Satellite System), juntamente com uma antena instalada em terra (Sistema RTG - Real Time Gipsy). Com isso, esse equipamento demonstra-se capaz de medir a maré, através da variação da altitude elipsoidal. Tendo isso em vista, o objetivo deste trabalho é analisar e comparar a acurácia e precisão do método de maregrafia por rastreio DGPS em relação ao marégrafo digital do tipo boia-contrapeso, em um sistema estuarino tropical da região amazônica, em duas situações, a primeira onde os equipamentos estavam distantes um do outro e a segunda no qual estavam próximos. Foram produzidos gráficos de maré, regressões lineares e ondeletas de coerência com o intuito de analisar a correlação entre os dois métodos de obtenção de maré. Os resultados das regressões lineares e das ondeletas de coerência demostraram uma forte correlação e coerência entre os dois métodos. Foi observado que quanto menor a distância entre os dados coletados, maior correlação entre os dados de maré. Dessa forma, concluiu-se o método de obtenção de maré através da diferença da altitude elipsoidal dos rastreios DGPS, apresentaram-se eficientes quando comparados com o marégrafo digital do tipo boia-contrapeso. Vale ressaltar que a maregrafia por DGPS é um método de custo elevado quando comparado com o marégrafo digital, devido a isso, o mesmo é indicado para aqueles que visam obter a maré local e já possuem o equipamento e uma embarcação.
Abstract: The Pará river is an estuary located in northeastern Pará. One of its main importance is the fact that this region is the port of the main ports of the state of Pará, with the Quiriri channel as a passage, which currently has depth that allows the passage of vessels up to 13.8 meters. It is speculated that these ports move more than 670 million of reais every year. The methods of measuring the tide are diverse, one of the most used being the application of float-type tide gauges. However, methodologies have made great progress in this area. Currently the dual frequency GPS or DGPS (Differential Global Positioning System) has high accuracy because its measurements are based on two satellite constellations, the Global Positioning System (GPS) / Global Navigation Satellite System (GLONASS) networks, together with an antenna installed on land (RTG System - Real Time Gipsy). Thus, this equipment proves to be able to measure the tide by varying the ellipsoidal altitude. With this in mind, the aim of this paper is to analyze and compare the accuracy and precision of the DGPS screening mareograph method in relation to the buoy-counterweight digital tide gauge in a tropical estuarine system of the Amazon region, in two situations, the first one where the equipment was distant from each other and the second in which they were close. Tide graphs, linear regressions and coherence wavelets were produced in order to analyze the correlation between the two tidal methods. The results of linear regressions and coherence wavelets showed a strong correlation and coherence between the two methods. It was observed that the smaller the distance between the collected data, the greater correlation between the tidal data. Thus, the method of obtaining tides through the difference in ellipsoidal altitude of the DGPS screenings was found to be efficient when compared to the digital buoy-counterweight tide gauge. It is noteworthy that DGPS handwriting is a high cost method when compared to the digital tide gauge, because of this, it is indicated for those aiming to get the local tide and already have the equipment and a vessel.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::OCEANOGRAFIA
Keywords: Marés
Sistemas de posicionamento global
Medidores de marés
Tides
Global Positioning System
Tide-gages
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Oceanografia - FAOC/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AplicacaoReceptoresGlobal.pdf3,82 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons