Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/2560
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Estudo de misturas binárias de gorduras vegetais amazônicas para o desenvolvimento de carreadores lipídicos
metadata.dc.creator: ALMEIDA, Claudia Wanessa Monteiro
metadata.dc.contributor.advisor1: COSTA, Carlos Emmerson Ferreira da
Issue Date: 26-Jan-2018
Citation: ALMEIDA, Claudia Wanessa Monteiro.Estudo de misturas binárias de gorduras vegetais amazônicas para o desenvolvimento de carreadores lipídicos. Orientador: Carlos Emmerson Ferreira da Costa. 2018. 51 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Química Industrial) – Faculdade de Química, Instituto de Ciências Exatas e Naturais, Universidade Federal do Pará, Belém, 2018. Disponível em: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/2560. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Pesquisas relacionadas a carreadores lipídicos nanoestruturados (CLNs) têm crescido devido estes apresentarem uma série de vantagens quando comparados a sistemas convencionais de encapsulação. Neste trabalho objetivou-se conhecer as propriedades físico-químicas de duas gorduras vegetais amazônicas, Murumuru e Bacuri, e visando a aplicação delas em sistemas como carreadores lipídicos estudou-se suas misturas binárias em quatro diferentes proporções (50:50, 60:40, 70:30 e 80:20), para que se pudesse observar o efeito da adição da gordura de bacuri sobre a estrutura cristalina da mistura. As caracterizações físico-químicas das gorduras vegetais como os índices de acidez, peróxido, iodo e refração apresentaram-se satisfatórios devido estes estarem de acordo com os valores exigidos. As composições em ácido graxo mostraram que as gorduras são constituídas predominantemente por ácidos graxos saturados principalmente o láurico (majoritário da gordura de murumuru) e palmístico (majoritário da gordura de bacuri), o que influenciou diretamente em suas propriedades como estabilidade oxidativa, capacidade calorífica e estabilidade térmica. Ambas apresentaram estabilidade oxidativa maior do que 20 horas e a maior capacidade calorífica no intervalo de temperatura 40 a 200 °C foi da gordura de bacuri, através das análises de termogravimétricas foi possível perceber que as gorduras são pouco suscetíveis a temperaturas de até 150 °C. As análises das misturas da gordura de bacuri e murumuru por DSC e DRX mostraram que a adição da gordura de bacuri em diferentes proporções ocasionou surgimento de imperfeições na organização cristalina da mistura, observou-se por DSC que a medida que a proporção de bacuri aumentava na mistura, a entalpia de fusão elevava-se sugerindo um aumento da cristalinidade e por DRX constatou-se uma maior desordenamento na estrutura cristalina através dos picos menos definidos no difratograma referente a mistura 50:50, qualificando-a como um melhor resultado devido a menor organização cristalina, o que favorece a encapsulação da substância ativa no desenvolvimento de carreadores lipídicos nanoestruturados.
Abstract: Searches related to nanostructured lipid carriers (CLNs) have grown because they have a number of advantages when compared to conventional encapsulation systems. The objective of this work was to know the physicochemical properties of two Amazonian vegetable fats, Murumuru and Bacuri. In order to apply them to systems as lipid carriers, their binary mixtures were studied in four different proportions (50:50, 60:40, 70:30 and 80:20), so that one could observe the effect of the addition of the bacuri fat on the crystalline structure of the mixture. The results of the physico-chemical characterization, such as acidity, peroxide, iodine and refraction index, showed satisfactory results because they were in compliance with the required parameters. Fatty acid compositions of fats showed that they are predominantly composed of saturated fatty acids, lauric and palmitic, which directly influenced its properties such as oxidative stability, heat capacity and thermal stability, presented oxidative stability greater than 20 hours and the highest heat capacity in the temperature range 40 to 200 ° C was of the bacuri fat, through thermal stability analyzes it was possible to see that fats are poorly susceptible to temperatures up to 150 ° C. Analyzes of the bacuri and murumuru fat blends by DSC and XRD showed that the addition of the bacuri fat in different proportions caused imperfections to arise in the crystalline organization of the blend, however, it was observed by DSC that as the ratio of bacuri increased in the mixture, the enthalpy of fusion increased suggesting an increase of the crystallinity and by XRD a greater disorganization in the crystalline structure and less defined peaks in the diffractogram with respect to the 50:50 mixture was verified, qualifying it like a better result due the less crystalline organization, which favors the encapsulation of the active substance in the development of nanostructured lipid carriers.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA
Keywords: Carreadores lipídicos nanoestruturados
Gorduras vegetais amazônicas
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Química - FAQUI/ICEN

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_EstudoMisturasBinarias.pdf1,5 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons