Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/2438
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Etnoconhecimento de plantas medicinais cultivadas em quintais na comunidade Mamangal Grande, rio Meruú, Igarapé-Miri, Pará
metadata.dc.creator: SANTOS, Elda Quaresma dos
metadata.dc.contributor.advisor1: SOUSA, Ronaldo Lopes de
Issue Date: 25-Jun-2019
Citation: SANTOS, Elda Quaresma dos. Etnoconhecimento de plantas medicinais cultivadas em quintais na comunidade Mamangal Grande, rio Meruú, Igarapé-Miri, Pará. Orientador: Ronaldo Lopes de Sousa. 2019. 31 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Educação do Campo – Habilitação em Ciências Naturais) – Faculdade de Formação e Desenvolvimento do Campo, Campus Universitário de Abaetetuba, Universidade Federal do Pará, Abaetetuba, 2019. Disponível em: https://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/2438. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A cidade de Igarapé-Miri encontra-se localizada na região Norte, Estado do Pará. A comunidade Mamangal está situada às margens do Rio Mamangal Grande, entre os rios Meruú-Açu e Maiauatá. Neste estudo objetivou pesquisar os conhecimentos tradicionais sobre a manipulação, os usos e as indicações terapêuticas das plantas usadas pelos moradores da comunidade Mamangal. A seleção dos colaboradores se deu através da metodologia “bola de neve”. Foram incluídos 20 participantes, na faixa etária de 30 a 76 anos, todos eram alfabetizados e a planta com predomínio de uso foi o mastruz, para tratar de afecções intestinais. A flora medicinal dos quintais da comunidade Mamangal apresentou elevada diversidade de espécies usada na medicina local.
Abstract: The city of Igarapé-Miri is located in the North region, State of Pará. The Mamangal community is located on the banks of the Mamangal Grande River, between the Meruú-Açu and Maiauatá rivers. This study aimed to research the traditional knowledge about the manipulation, uses and therapeutic indications of the plants used by the residents of the Mamangal community. The selection of the collaborators was done through the "snowball" methodology. Twenty participants were included, in the age group of 30 to 76 years, all were literate and the plant with predominance of use was the mastruz, to treat intestinal affections. The medicinal flora of the backyards of the Mamangal community presented a high diversity of species used in local medicine.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
Keywords: Conhecimento tradicional associado
Plantas medicinais - Igarapé-Miri (PA)
Etnobotânica - Igarapé-Miri (PA)
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Curso de Educação do Campo - CABAE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_EtnoconhecimentoPlantasMedicinais.pdf1,46 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons