Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/2428
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Reconstituição paleoambiental da Formação Pedra de Fogo na borda oeste da Bacia do Parnaíba, na região de Araguaína (To)
metadata.dc.creator: MEDEIROS, Renato Sol Paiva de
metadata.dc.contributor.advisor1: NOGUEIRA, Afonso César Rodrigues
Issue Date: 8-Apr-2013
Citation: MEDEIROS, Renato Sol Paiva de. Reconstituição paleoambiental da Formação Pedra de Fogo na borda oeste da Bacia do Parnaíba, na região de Araguaína (To). Orientador: Afonso César Rodrigues Nogueira. 2013. 126 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geologia) - Faculdade de Geologia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2013. Disponível em: https://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/2428. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A Formação Pedra de Fogo da Bacia do Parnaíba, na região de Araguaína, Tocantins, encontra-se distribuída lateralmente por dezenas de quilômetros sendo representada por fácies predominantemente pelíticas. O estudo faciológico e estratigráfico em afloramento permitiu a individualização de 11 fácies agrupadas em 3 associações de fácies (AF), representativas de um paleoambiente predominantemente lagunar associado com campo de dunas eólicas. Os depósitos lagunares são divididos em: a) laguna central (AF1) que é constituído predominantemente por siltito com laminação plano – paralela (fácies Sl), arenito intercalado com siltito apresentando laminação levemente ondulada (fácies Al) e siltito maciço (fácies Sm), formando diversos ciclos métricos granocrescênte ascendente com espessamento para o topo. Nos ciclos intermediários desta formação foram encontrados bioclastos indiferenciados em lamina. b) laguna marginal (AF2) que é constituído principalmente pelas fácies Al, arenito com laminação cruzada (fácies Ac), arenito com estratificação cruzada Swaley (fácies As), arenito maciço com estruturas evaporíticas (fácies Av), arenito com gretas de contração (fácies Ag) e arenito maciço (fácies Am). Nos ciclos basais desta AF são encontrados grandes quantidades de materiais fossilíferos, em destaque os peixes, da classe Chondrichthyes. Esta associação de fácies apresenta maior deposição durante o raseamento da laguna, nos períodos de estiagem. c) Na associação de fácies eólica campo de dunas (AF3) são descritos depósitos restritos, onde são detalhadas as fácies arenito com estratificação cruzada tabular (fácies Ae) e arenito com estratificação plano-paralela (fácies App), com granulometria areia fina e sets delgados. Os depósitos permianos da Formação Pedra de Fogo na Bacia do Parnaíba são associados a climas áridos com contínua elevação de temperatura resultando em eventos de greenhouse. Os depósitos descritos são associados a ambiente lacustre, descrito como uma laguna que deu origem a um lago do tipo playa posteriormente sobposto a dunas eólicas, típicos de ambientes desérticos vigente na região durante a passagem Permotriássica.
Abstract: The Pedra de Fogo Formation in Parnaíba Basin, Araguaína region, Tocantins, is spread laterally for tens of kilometers being predominantly represented by pelitic facies. The faciological and stratigraphic analysis allowed the characterization of 11 facies grouped in three facies associations (AF), predominantly representing a lagoonal paleoenvironment associated with a eolian dunes field. The lagoonal deposits are divided into: a) central lagoon (AF1) predominantly composed of siltstone with planar lamination (facies Sl), sandstone interbedded with siltstone showing slightly undulate lamination (facies Al) and massive siltstone (facies Sm), forming several coarsening-upward metre-scale cycles with the bed thicknesses thickening up to the top. In the intermediate cycles from this formation were found undifferentiated bioclasts in a thin section. b) marginal lagoon (AF2) is characterized mainly for facies Al, sandstone with cross-lamination (facies Ac), sandstone with swaley cross-stratification (facies As), massive sandstone with evaporitic structures (facies Av), sandstone with mudcracks (facies Ag) and massive sandstone (Am). In basal cycles of this AF there are found large amounts of fossiliferous material, in highlight the fish of the class Chondrichthyes. This facies association has a higher deposition during the shallowing of the lagoon in drought periods. c) In facies association eolian dunes field (AF3) are described as restricted deposits represented by facies sandstone with tabular cross-stratification (facies Ae) and sandstone with planar stratification (facies App), fine-grained and thin sets.The Permian deposits of the Pedra de Fogo Formation in the Parnaíba Basin are associated with dry climates under continuous rising temperatures leading to Greenhouse events. The deposits described are associated with lacustrine environment, described as a lagoon which led to a playa lake type later covered by eolian dunes, typical of desert environments existing in the region during the Permian-Triassic passage.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA::ESTRATIGRAFIA
Keywords: Geologia estratigráfica - Permiano
Reconstituição paleoambiental
Formação Pedra de Fogo
Bacia do Parnaíba (TO)
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Faculdade de Geologia - FAGEO/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_ReconstituicaoPaleoambientalFormacao.pdf11.52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.