Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/2110
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Glaciações paleozoicas no Gondwana, post-glacial-rebound e implicações geodinâmicas para o magmatismo do Grupo Serra Geral
metadata.dc.creator: VENTURIERI, Enzo Maués
metadata.dc.contributor.advisor1: PINHEIRO, Roberto Vizeu Lima
Issue Date: 19-Jul-2019
Citation: VENTURIERI, Enzo Maués. Glaciações paleozoicas no Gondwana, post-glacial-rebound e implicações geodinâmicas para o magmatismo do Grupo Serra Geral. Orientador: Roberto Vizeu Lima Pinheiro. 2019. 40 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geologia) - Faculdade de Geologia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019. Disponível em: https://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/2110. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O evento que formou a Província Ígnea do Paraná corresponde a um dos maiores episódios de magmatismo fissural ocorrido em ambiente de crosta continental. O contexto geológico da região onde ocorreu sua colocação registra uma sequência de eventos geológicos peculiares, como ciclos de glaciação no Paleozoico Superior que cobriram o paleocontinente Gondwana com extensas camadas de gelo. Essas séries de ciclos de glaciação estão registradas nas sequências sedimentares do Grupo Itararé, contido na Bacia do Paraná. A ocorrência de ciclos de glaciação teve um importante efeito na região litosférica que continha a Bacia do Paraná, pois essas sequências de adição e subtração de carga de gelo tiveram efeito direto na isostasia crustal, causando movimentações verticais para acomodar o acúmulo de material e massa desenvolvidos pelas geleiras, fenômeno denominado rebound litostático. Este mesmo fenômeno pode ser observado em outras regiões do planeta, em diferentes momentos do tempo geológico. Graças a essa reprodução de eventos, modelos utilizados para estudar este fenômeno em um local, podem ser adaptados e aplicados em outros ambientes geológicos com ocorrência de rebound litostático. Este trabalho buscou avaliar a possibilidade de replicação do modelo proposto por Jull e McKenzie (1996), para a região da Islândia, que se mostrou ser possível a partir de adaptações do modelo referentes às características peculiares à região da Bacia do Paraná, como redimensionamento da escala de aplicação, volume de magma gerado, diferença de tempo entre os últimos registros glaciais e o vulcanismo, condições crustais relativas a espessura, visco-elasticidade e temperatura, assim como a altura, extensão e continuidade da coluna de gelo formada durante as épocas glaciais.
Abstract: The event that formed the Igneous Province of Paraná corresponds to one of the major episodes of fissural magmatism occurred in a continental crust environment. The geological context of the region where it was placed records a sequence of peculiar geological events, such as Late Paleozoic glacial cycles that covered the paleocontinent Gondwana with extensive ice sheets. These series of glaciation cycles are recorded in the sedimentary sequences of the Itararé Group, contained in the Paraná Basin. The occurrence of glaciation cycles had an important effect on the lithospheric region that contained the Paraná Basin, since these ice addition and subtraction sequences had a direct effect on crustal isostasy, causing vertical movements to accommodate the accumulation of material and mass developed by the glaciers, a phenomena called lithostatic rebound. This same phenomenon can be observed in other regions of the planet, at different geological times. Due to this event reproduction, models used to study this phenomenon in one place, can be adapted and applied in other geological environments with occurrence of lithostatic rebound. This work sought to evaluate the possibility of replicability of the model proposed by Jull and McKenzie (1996), for the region of Iceland, which proved to be possible from adaptations of the model referring to the characteristics peculiar to the Paraná Basin region, as a resizing of the scale of application, volume of magma generated, time difference between the last glacial records and volcanism, crustal conditions related to thickness, viscoelasticity and temperature, as well as the height, extension and continuity of the ice column formed during glacial epochs.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Keywords: Rebound litostático
Bacia do Paraná
Grupo Serra Geral
Modelagem
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Faculdade de Geologia - FAGEO/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tcc_GlaciacoesPaleozoicasGondwana.docx3,67 MBMicrosoft Word XMLView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons