Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/2086
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: A influência do nível competitivo na percepção da síndrome de burnout em atletas universitários de handebol
Other Titles: The influence of competitive level on burnout syndrome perception in college handball athletes
metadata.dc.creator: SOUSA, Milene Caroline Araujo de
metadata.dc.contributor.advisor1: PIRES, Daniel Alvarez
Issue Date: 18-Dec-2018
Citation: SOUSA, Milene Caroline Araujo de. A influência do nível competitivo na percepção da síndrome de burnout em atletas universitários de handebol. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Educação Física) -- Campus Universitário de Castanhal, Universidade Federal do Pará, Castanhal, 2018. Disponível em: https://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/2086. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A síndrome de burnout no âmbito esportivo consiste em uma resposta psicofisiológica de esgotamento e está fundamentada em três dimensões: exaustão física e emocional (EFE); reduzido senso de realização esportiva (RSR); e desvalorização esportiva (DES). Suas principais consequências são a perda da motivação e o abandono da carreira esportiva. O presente estudo tem como objetivo analisar o efeito do nível competitivo na percepção de burnout e suas dimensões em atletas universitários de handebol. Participaram do estudo 89 atletas (45 homens e 44 mulheres) pertencentes as três distintas divisões dos Jogos Universitários Brasileiros realizados em Goiânia (21 da primeira divisão, 29 da segunda divisão e 39 da terceira divisão), com média de idade de 21,76 ± 3,17 anos. Os atletas preencheram o Questionário de Burnout para Atletas (QBA) e uma ficha de dados demográficos. Para a análise dos dados foram empregados os testes de normalidade de Kolmogorov-Smirnov, Kruskal-Wallis, e post hoc de Dunn no programa GraphPad Prism. O índice de significância adotado foi p<0,05. Os resultados apresentaram as seguintes medianas para as dimensões EFE, RSR e DES, respectivamente: primeira divisão (1,8; 2,0; 1,8), segunda divisão (1,4; 2,0; 1,8), terceira divisão (1,6; 2,4; 1,8). Não houve diferenças significativas entre os atletas da primeira, segunda e terceira divisão nas dimensões EFE e DES. Para a dimensão RSR não houve diferença significativa entre os atletas da primeira e segunda divisão. No entanto, os atletas que estão na terceira divisão apresentaram índices maiores dessa dimensão em relação aos seus pares da primeira e segunda divisões, bem como maior percepção de burnout total em relação aos atletas da segunda divisão. Portanto, ao comparar as dimensões do burnout entre os três grupos, percebemos que a variável nível competitivo, representada pela divisão disputada, interfere na percepção da dimensão reduzido senso de realização esportiva e no burnout total, resultando na baixa realização esportiva entre os atletas de handebol participantes da terceira (e última) divisão da principal competição universitária brasileira.
Abstract: Sports burnout syndrome consists of a psychophysiological response to exhaustion and is based on three dimensions: physical and emotional exhaustion (EFS); reduced sense of sports achievement (RSR); and sports depreciation (DES). Its main consequences are the loss of motivation and the abandonment of the sports career. The present study aims to analyze the effect of the competitive level on the perception of burnout and its dimensions in handball university athletes. 89 athletes (45 men and 44 women) belonging to the three distinct divisions of the Brazilian University Games in Goiânia (21 from the first division, 29 from the second division and 39 from the third division) participated in the study, with a mean age of 21.76 ± 3.17 years. Athletes completed the Athlete Burnout Questionnaire (QBA) and a demographic data sheet. For the analysis of the data were used the tests of normality of Kolmogorov-Smirnov, Anova Kruskal-Wallis, and post hoc of Mann-Whitney in software GraphPad Prism. The significance level adopted was p <0.05. The results presented the following medians for the EFE, RSR and DES dimensions, respectively: first division (1.8, 2.0, 1.8), second division (1.4, 2.0, 1.8), third division (1.6, 2.4, 1.8). There were no significant differences between the first, second and third division athletes in the EFE and DES dimensions. For the RSR dimension there was no significant difference between first and second division athletes. However, athletes in the third division had higher scores of this dimension compared to their first and second division pairs, as well as a higher perception of total burnout compared to the second division athletes. Therefore, when comparing the dimensions of burnout among the three groups, we noticed that the competitive level variable, represented by the disputed division, interferes with the perception of reduced sense of sports accomplishment and total burnout, resulting in low sports accomplishment among handball athletes participants in the third (and last) division of the main Brazilian university competition.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Keywords: Handebol
Burnout (Psicologia)
Handball
Burn out (Psichology)
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Educação Física - FAEF/CCAST

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_InfluenciaNivelCompetitivo.pdf381,49 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons