Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1775
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Batimetria e aspectos morfodinâmicos de canais de maré da Costa Leste da Ilha do Marajó (PARÁ)
metadata.dc.creator: NASCIMENTO, Inaê de Brito Albuquerque
metadata.dc.contributor.advisor1: ROLLNIC, Marcelo
Issue Date: 20-Dec-2010
Citation: NASCIMENTO, Inaê de Brito Albuquerque. Batimetria e aspectos morfodinâmicos de canais de maré da Costa Leste da Ilha do Marajó (PARÁ). Orientador: Marcelo Rollnic. 2010. 67 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Oceanografia) - Faculdade de Oceanografia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2010. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1775. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A zona costeira é um ambiente bastante instável, sendo constantemente retrabalhada por processos erosivos e deposicionais, principalmente pela ação de ondas, maré e correntes costeiras, o que torna fundamental o monitoramento destes ambientes. Dentre os diversos ambientes costeiros, podemos citar os estuários e as planícies de maré. Importantes para o desenvolvimento das planícies de maré e de manguezais encontram-se associados a estes ambientes os canais de maré, os quais são importantes na drenagem e distribuição de nutrientes e sedimentos. Por estarem sujeitos a modificações externas, como, por exemplo, aumento relativo do nível do mar e ações antropogênicas, compreender os processos que governam o desenvolvimento e a evolução temporal dos canais de maré é imprescindível. Foram verificadas a batimetria, a variação do canal de maré entre os meses de abril/maio, agosto e dezembro de 2010, turbidez da água e observações in situ de marcas onduladas nos canais de maré do Limão e Jubim no município de Salvaterra, e nos canais de maré do Uruci e Andiroba (Pesqueiro) no município de Soure, costa leste da Ilha do Marajó, Estado do Pará. Os canais de maré do Limão, Jubim, Uruci e Andiroba (Pesqueiro) são canais rasos (profundidade máxima de aproximadamente 5 m), com a presença de inúmeros bancos, sob regime de mesomarés (amplitudes variando de 3,28 m no canal do Uruci e 2,58 m nos canais do Limão e Jubim) associados a extensas áreas inundáveis, localizados em uma região de alta hidrodinâmica, com predomínio de sedimentos arenosos e apresentando uma variedade de energia de fluxo o que é indicado pela variedade de marcas de leito observadas ao longo das planícies de intermaré associadas aos canais. A turbidez da água atingiu seus máximos entre inicio e meio da maré vazante, e os menores durante a preamar, identificando-os como exportadores de material particulado em suspensão. Este presente trabalho apresentou uma caracterização prévia da morfodinâmica presente nos canais de maré do Limão, Jubim, Uruci e Andiroba, presentes na costa leste da Ilha do Marajó.
Abstract: Coastal zone is a very unstable environment, which is constantly reworked by erosive and depositional processes, mainly by action of waves, tides and coastal currents, what makes the monitoring of these environments critical. Among the different coastal environments, we can mention the estuaries and tidal flats. Tidal channels are important for the development of tidal flats and mangroves, and for drainage and distribution of nutrients and sediment. This environments are subject to external modifications, for example, increasing the relative sea level and anthropogenic activities, in this way understanding the processes the govern the development and evolution of tidal channes is essential. It was verified the bathymetry, the variation of tidal channel between April/May, August and December 2010, water turbidity and it was observed bed forms in Limão and Jubim tidal channels in Salvaterra, Uruci e Andiroba (Pesqueiro) tidal channels in Soure, east coast of Marajó Island, State of Pará. Limão, Jubim, Uruci e Andiroba tidal channels are shallow (maximum depth of approximately 5 m) with the presence of numerous sandbanks, under a mesotidal regime (ranging from 3.28 m in Uruci tidal channel and 2.58 m in Limão and Jubim tidal channels) associated to extensive wetlands, located in a high hydrodynamic region, with a predominance of sandy sediments and presenting a variety of energy flow, which is indicated by the variety of bed forms observed over the intertidal flats associated to channels. Water turbidity presented its peak between the beginning and middle of the ebb tide, and lowest during high tide, identifying the tidal channels as exporters of suspended particulate matter. Present study was a previous characterization of Limão, Jubim, Uruci and Andiroba tidal channels’ morphodynamics, tidal channels located in the east coast of Marajó Island.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::OCEANOGRAFIA
Keywords: Canais de maré
Batimetria
Migração de canal
Marcas de leito
Ilha do Marajó
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Oceanografia - FAOC/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_BatimetriaAspectosMorfodinamicos.pdf6,14 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons