Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1685
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Praia de Apeú-Salvador, município de Viseu, NE do Pará: ocorrência ou placer de minerais pesados
metadata.dc.creator: GONÇALVES, Bruno Leal
metadata.dc.contributor.advisor1: EL-ROBRINI, Maamar
Issue Date: 2010
Citation: GONÇALVES, Bruno Leal. Praia de Apeú-Salvador, município de Viseu, NE do Pará: ocorrência ou placer de minerais pesados. Orientador: Maâmar El-Robrini. 2010. 129 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geologia) - Faculdade de Geologia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2010. Disponível em:http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1685. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Mineral pesado é definido como um mineral detrítico originado de uma rocha ígnea, sedimentar ou metamórfica, após litificação, tendo peso específico maior que 2,85 g/cm3 e comumente formando constituintes menores ou minerais acessórios das rochas. A quantidade dos minerais pesados em um determinado local depende da sua abundância na área fonte e da intensidade do processo de transporte, que inclui a sua capacidade de resistência ao intemperismo, à abrasão e a sua segregação devido a diferenças na densidade e forma. Sua ocorrência em depósitos continentais costeiros e marinhos permite inferir em conta a evolução desses ambientes, destacando-se como um importante instrumento para a sedimentologia e estratigrafia. A proveniência e tendência de distribuição contribuem para a caracterização sedimentológica e mineralógica de ambiente deposicional, detalhando aspectos relativos sedimentares para cada ambiente. Na exploração petrolífera, eles são utilizados na interpretação dos processos ambientais e na análise das bacias sedimentares. Quando os minerais pesados são encontrados em concentrações superiores a 1% em relação à fração estudada, estes podem ser considerados como depósitos do tipo placers (placers residuais, placers aluviais, placers praias, placers offshore e paleoplacer), economicamente viáveis para a exploração. Entre placers de valor econômico destacam os de ilmenita, rutilo, zircão, monazita e magnetita, concentrando-se em ambientes de alta energia, após a desagregação da fonte de rochas. A área de trabalho está localizada no contexto geológico do NE do Estado do Pará e NW do Estado do Maranhão, onde está incluído dentro do Cráton São Luís e Cinturão Gurupí, nesta região são encontrados garimpos de extração de ouro. A praia de Apeú- Salvador, está localizada na foz do rio Piriá, que recorta os Grupo Aurizona e Gurupi, com ocorrência de garimpos. Os sedimentos encontrados nesta praia são do tipo areias muito finas, bem selecionadas, de assimetria positiva á negativa. Os principais minerais pesados encontrados neste sedimentos são zircão, turmalina, epidoto, estaurolita e cianita com mais abundantes e menos abundantes granada, cassiterita e cromita. Os mais possuem concentrações que variam acima de 10%, sendo considerados placer praias.
Abstract: Heavy mineral is defined as a detrital mineral originated from an igneous rock, sedimentary or metamorphic after lithification, having specific gravity greater than 2.85 g/cm3 and commonly forming minor constituents or accessory minerals from rocks. The amount of heavy minerals in a given location depends on its abundance in the source area and the intensity of the transport process, which includes their ability to resistance to weathering, abrasion and its segregation due to differences in density and shape. Its occurrence in coastal and marine continental deposits inferring into account the evolution of these environments, highlighting as an important tool in sedimentology and stratigraphy. The origin and distribution trends contribute to the sedimentological and mineralogical characterization of the depositional environment, detailing aspects for each sedimentary environment. In oil exploration, they are used in the interpretation of environmental processes and the analysis of sedimentary basins. When found in concentrations higher than 1% in the fraction studied, it can be economically viable to exploit and then they are known as placer type deposits (residual placer, placer alluvial placers RIAO paleoplacer and offshore placers). Among placers highlight the economic value of ilmenite, rutile, zircon, monazite, magnetite, focusing on high-energy environments, after the breakdown of the source rocks. Work area is located in the geological context of the NE of Pará and Maranhão State NW, where it is included within the Craton and Gurupí Belt in this region are found mines of gold mining, hence the need for more detailed studies on species of minerals, their concentrations and their distribution areas. The APEU-Salvador beach, is located at the mouth of the Piriá estuary, that flows through the Gurupi and Arizona Groups, where exists some gold mines (garimpos). The sediments found in this beach are very fine sands, well selected, positive asymmetry will be negative. The main heavy minerals found in sediments were zircon, tourmaline, epidote, staurolite and kyanite with more abundant and less abundant garnet, chromite and cassiterite. Most have concentrations ranging up to 10% and is considered beach placer.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA::SEDIMENTOLOGIA
Keywords: Minerais pesados
Placer
Praia Apeú - PA
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Geologia - FAGEO/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_PraiaApeuSalvador.pdf4,01 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons