Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1664
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Petrografia e diagênese dos arenitos Neoproterozóicos da Formação Raizama, sul do Cráton Amazônico e Faixa Paraguai, Mato Grosso
metadata.dc.creator: SANTOS, Hudson Pereira
metadata.dc.contributor.advisor1: NOGUEIRA, Afonso César Rodrigues
Issue Date: 2011
Citation: SANTOS, Hudson Pereira. Petrografia e diagênese dos arenitos Neoproterozóicos da Formação Raizama, sul do Cráton Amazônico e Faixa Paraguai, Mato Grosso. Orientador: Afonso César Rodrigues Nogueira. 2011. 87 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geologia) - Faculdade de Geologia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2011. Disponível em:. Aceso em:.
metadata.dc.description.resumo: O final do Neoproterozóico na Faixa Paraguai norte e sul do Cráton Amazônico têm sido alvo de intensos debates. A fusão dos blocos Amazônico, São Francisco-Congo, Paranapanema (?), resultaram no soerguimento da Faixa Paraguai – Araguaia. Neste contexto, a Formação Raizama, base do Grupo Alto Paraguai e objeto de estudo deste trabalho, é caracterizada por depósitos siliciclásticos finos a grossos, associados a depósitos transicionais (fluvial com influência de maré) e marinho raso (foreshore/shoreface), os quais sobrepõem à sedimentação carbonática do Grupo Araras. A área de estudo compreende os municípios de Glória d’Oeste, Tangará da Serra, Cáceres, Alto Paraguai, e Nobres. O estudo petrográfico de seções delgadas advindas da Faixa Paraguai norte e sul do Cráton Amazônico permitiram a individualização de seis litotipos compreendidos como quartzo-arenitos, subarcóseos, dolomitos-calcíticos, dolomitos, sublitarenitos e chert. Os arenitos oriundos do Cráton Amazônico apresentam cimentação de dolomita tardia, enquanto os arenitos da Faixa Paraguai possuem intenso sobrecrescimento de sílica. A concentração de fragmentos líticos varia de 0,3% a 11,7% nas amostras da Faixa Araguaia, sendo estes ausentes nas amostras estudadas do Cráton Amazônico. O padrão dos diagramas QmFLt revelam que os sedimentos da Formação Raizama são provenientes de reciclagem orogênica e blocos continentais estáveis. Os processos diagenéticos descritos em lâminas, são: 1) argilominerais autigênicos; 2) compactação mecânica; 3) crescimento secundário de quartzo; 4) dissolução por pressão ;5) substituição e/ou dissolução de quartzo; e 6) dolomitização. O presente estudo dos arenitos da Formação Raizama permiti um melhor entendimento dos processos diagenéticos pelo qual essas rochas foram submetidas, contribuindo para a caracterização do Grupo Alto Paraguai, ainda pouco estudado.
Abstract: The end of the Neoproterozoic in the north of the Paraguay Belt and the south Amazon Craton have been intensely debated. The colision of the Amazon, São Fransisco-Congo, and the Paranapanema(?) blocks resulted in the uplift of the Paraguary-Araguaia Belt. In this context, the Raizama Formation, base of the Alto Paraguay Group and the gol of this study, is characterized by fine to coarse siliciclastic deposits, associated with the transitional deposits (fluvial with tidal influence) and shallow marine(foreshore/shoreface), which overlie the carbonate sedimentation of the Araras Group. The area of study includes the municipalities of Gloria d’Oeste, Tangará da Serra, Cáceres, Alto Paraguai and Nobres. The petrographic study of thin sections came from the north of the Paraguay Belt and the south of the Amazon Craton, permited the individualization of six lithotypes consisted as quartz-sandstone, subarkoses, dolomitic-limestone, dolomite, chert, and sublitharenites. Sandstones from Amazon Craton have late dolomite cementation, whereas the sandstones from Paraguay belt have intense quartz overgrowth. The concentration of lithic fragments fluctuate of 0,3% to 11,7% in the samples from Paraguay Belt , absent in the samples from Amazon Craton. The pattern of the QmFLt diagrams show that the Raizama Formation sediments are recycled orogen and stable continental blocks. The diagenetic processes that intergrate the diagenetic sequence are: 1) authigenic clay minerals; 2) mechanical compaction; 3) quartz overgrowth; 4) pressure solution; 5) replacement and/or solution of quartz; and 6) dolomization. The study of the Raizama Formation sandstones enable a better understanding of the diagenetic processes by which these rocks have been subjected, contributing to the characterization of the Alto Paraguay Group, which has not been studied much.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Keywords: Neoproterozóico
Faixa Paraguai
Cráton Amazônico
Formação raizama
Arenitos
Petrografia Sedimentar
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Geologia - FAGEO/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_PetrografiaDiageneseArenitos.pdf17,78 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons