Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1653
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Análise das estratégias de coping e dimensões de burnout em atletas profissionais de futebol na fase competitiva
metadata.dc.creator: SILVA, Tainá Rocha da
metadata.dc.contributor.advisor1: PIRES, Daniel Alvarez
Issue Date: 27-Jun-2019
Citation: SILVA, Tainá Rocha da. Análise das estratégias de coping e dimensões de burnout em atletas profissionais de futebol na fase competitiva. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Educação Física) -- Campus Universitário de Castanhal, Universidade Federal do Pará, Castanhal, 2019. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1653. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O objetivo do estudo consiste em analisar os indicadores de burnout e as estratégias de coping em atletas profissionais de futebol de campo em período competitivo. Participaram do estudo 112 jogadores profissionais (23,6 ± 4,4 anos) de futebol da primeira divisão do Campeonato Paraense de 2018, de ambos os sexos, sendo 58 femininos (23,2 ± 4,8 anos), 54 masculino (24,0 ± 3,9 anos), os quais se encontravam na fase competitiva. Os participantes responderam a dois instrumentos psicométricos de mensuração de burnout e coping. Os resultados evidenciam que: i) os indicadores das três dimensões de burnout foram baixos; ii) os achados em relação às estratégias de coping, indicaram diferença significativa (p<0,0001); iii) as estratégias de coping mais percebidas foram: metas/preparação mental, lidar com adversidades, desempenho sob pressão e confiança/motivação. As principais conclusões do estudo apontam que as percepções elevadas das estratégias de coping associadas à metas/preparação mental, lidar com adversidades, desempenho sob pressão e confiança/motivação estão associadas a indicadores reduzidos nas dimensões de burnout.
The objective of the study is to analyze the burnout indicators and coping strategies in competitive field football professional athletes. A total of 112 professional soccer players (23,6 ± 4,4 years) from the first division of the 2018 Paraense Championship, of both sexes, participated in the study, being 58 females (23,2 ± 4,8 years), 54 males (24,0 ± 3,9 years), which were in the competitive phase. Participants responded to two psychometric instruments measuring burnout and coping. The results show that: i) the indicators of the three dimensions of burnout were low; ii) the findings regarding the coping strategies, indicated a significant difference (p <0,0001); iii) coping strategies most perceived were: goals/mental preparation, coping with adversity, performance under pressure, and trust/motivation. The main conclusions of the study point out that high perceptions of coping strategies associated with goals/mental preparation, coping with adversity, performance under pressure and confidence/motivation are associated with reduced indicators of burnout.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Keywords: Burnout (Psicologia)
Atletas
Futebol
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Educação Física - FAEF/CCAST

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AnaliseEstrategiasCoping.pdf331,36 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons