Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1629
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Perfil sociodemográfico e clínico de pessoas com urostomia em Belém, Pará, Brasil
metadata.dc.creator: PACHECO, Manuella da Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: CUNHA, Regina Ribeiro
Issue Date: 2018
Citation: PACHECO, Manuella da Silva. Perfil sociodemográfico e clínico de pessoas com urostomia em Belém, Pará, Brasil. Orientadora: Regina Ribeiro Cunha. 2018. 38 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Enfermagem) - Faculdade de Enfermagem, Instituto de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Pará, Belém, 2018. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1629. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Introdução: A urostomia ou derivação urinária consiste em uma abertura criada cirurgicamente na parede abdominal para saída de urina de modo involuntário. Tem como finalidade a preservação da função renal, de caráter temporário ou definitivo, externa ou interna, continente ou incontinente. Dependendo do tipo de urostomia há necessidade do uso de equipamentos coletores e adjuvantes de proteção e segurança ou cateteres urinários após a cirurgia. Objetivo: Descrever o perfil sociodemográfico e clínico de pessoas com urostomia. Método: Estudo descritivo, exploratório, com delineamento transversal e abordagem quantitativo, realizado com 135 pessoas com estomia atendidas em Consulta de Enfermagem em um Serviço de Referência de Belém-PA nos anos de 2014 a 2016. Os dados foram extraídos do projeto de pesquisa Perfil de Estomizados no Contexto Amazônico por meio de formulário com critérios definidos antecipadamente, trabalhados e apresentados em figuras e tabelas. Foram respeitados todos os preceitos éticos e aprovado sob o parecer No 525.319 Resultados: Entre as 135 pessoas com estomia, cinco tinham urostomia. Sendo homens, de 39 a 50 anos, residentes na região metropolitana de Belém, ensino fundamental incompleto, sem rendimento. A causa básica da urostomia foi a neoplasia. A urostomia transileal de caráter definitivo predominou em todos os casos. O tempo médio de uso do equipamento coletor foi de 3 dias, a maioria referiu estar com alteração na pele periestomia. Conclusão: O perfil epidemiológico está em consonância com a tendência nacional. Ainda que se mantenha predominante a urostomia transileal de caráter definitivo, causada por neoplasia vem aumentando significativamente em homens. Este estudo aponta a necessidade de incluir seus resultados no planejamento de ações em saúde do serviço de referência na cidade de Belém-PA.
Abstract: Introduction: A urostomy or urinary bypass consists of a surgically created opening in the abdominal wall for urine output involuntarily. Which demands the use of collecting equipment to collect the urine. Its purpose is the preservation of renal function, temporary or permanent, external or internal, continents or incontinent. Depending on the type of urostomy, there is a need for the use of collecting equipment and protective and safety adjuvants or urinary catheters after surgery. Objective: To describe the sociodemographic and clinical profile of people with urostomy. Descriptive, exploratory study, with a cross-sectional design and quantitative approach to the profile of people with stoma attended at a Nursing Consultation, in a Reference Service of Belém-PA, from 2014 to 2016. Methods: The data were collected together with the database of the research project Estomized Profile in the Amazon Context. As an exploratory analysis, descriptive methods were used to present data, worked and demonstrated in figures and tables. The Committee of Ethics and Research with Human Beings of the Federal University of Pará under the opinion No. 525.319 approved this study. Results: Among the 135 people with omen five men had urostomia, age group of 39 to 50 years, residing in the metropolitan region of Belém, had incomplete elementary education with monthly family income of up to one minimum wage. The primary cause of the urostomy was neoplasm. Definitive transiliary urostomy predominated in all cases. The mean time of use of the collecting equipment was 3 days, most reported being with altered skin peristomy. Conclusion: This study points out the need to include their results in planning health actions of the reference service in the city of Belém-PA.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM::ENFERMAGEM MEDICO-CIRURGICA
Keywords: Urostomia
Derivação urinária
Perfil de Saúde
Política de Saúde
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Faculdade de Enfermagem - FAENF/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_PerfilSociodemograficoClinico.pdfTCC_PerfilSociodemograficoClinico.pdf798,07 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons