Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1616
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Análise experimental do uso de brosimum sp. Como hipoglicemiante de origem natural em ratos wistar induzidos a diabetes mellitus
metadata.dc.creator: LIMA, Gabriella Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor1: OLIVEIRA-BAHIA, Verônica Regina Lobato de
metadata.dc.contributor.advisor-co1: HAMOY, Moisés
Issue Date: 2018
Citation: LIMA, Gabriella Oliveira. Análise experimental do uso de brosimum sp. Como hipoglicemiante de origem natural em ratos wistar induzidos a diabetes mellitus. Orientadora: Verônica Regina Lobato de Oliveira Bahia. 2018. 43 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Enfermagem) - Faculdade de Enfermagem, Instituto de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Pará, Belém, 2018. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1615. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Diabetes Mellitus (DM) atualmente é considerada uma epidemia mundial em curso, caracterizada como um distúrbio crônico no metabolismo dos carboidratos, resultante de defeitos na ação da insulina e ou na sua secreção. Dentre todos os tratamentos utilizados para controle da doença, o uso da medicina tradicional, com o uso de plantas medicinais ainda se encontra presente, sendo utilizadas como coadjuvantes no seu tratamento. Um dos hipoglicemiantes de origem natural utilizado é o látex do Brosimum sp.(Leite-do-Amapá).Porém, pouco se sabe sobre seus reais efeitos farmacológicos e ou toxicidade. Nessa perspectiva, o presente estudo buscou identificar os possíveis efeitos do uso do Leite-do-Amapá em ratos Wistar com DM induzida com Aloxana. Foram analisados o índice glicêmico, ureia, creatinina, TGO, TGP e colesterol total. Os animais foram divididos em 03 grupos com a seguinte descrição: G1: Controle; G2: Hiperglicêmicos; G3: Diabéticos. O tratamento com suplementação do Leite-do-Amapá foi nas doses: 1mL (1º período-3 dias), 2 mL (2º período-3 dias) e 3 mL (3º período-3 dias), 01 vez ao dia durante o período da manhã. Após os experimentos foram realizadas análise bioquímica do sangue e histopatológica do pâncreas. A evolução clínica quanto a ingesta hídrica dos ratos mostrou polidipsia nos grupos hiperglicêmicos e diabéticos; não houve variação entre os valores do consumo alimentar nos grupos. Apesar de o consumo alimentar ter permanecido o mesmo, o peso variou no grupo diabético, apresentando o menor peso entre os grupos. A análise histopatológica mostrou redução no número e tamanho das ilhotas de Langerhans, somado a isto o grupo diabético apresentou as células das ilhotas com aspecto eosinofilico e limites celulares imprecisos. A análise bioquímica não revelou diferença nos índices de ureia, creatinina e colesterol total. Porém, TGO e TGP apresentaram alterações nos grupos hiperglicêmicos e diabéticos, sugerindo alteração hepática. O tratamento com Brosimum sp. se mostrou eficaz na sua utilização como dose dependente. Gerando redução gradativa nos índices glicêmicos do grupo hiperglicêmicos, contudo seu uso deve ser cauteloso devido sua ação na função hepática.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM::ENFERMAGEM DE SAUDE PUBLICA
Keywords: Diabetes mellitus
Hipoglicemiantes
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Faculdade de Enfermagem - FAENF/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_AnaliseExperimentalUso.pdf623,52 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons