Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1283
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Monitorização multimodal sob estimulação cortical nas cirurgias para clipagem de aneurismas intracranianos
metadata.dc.creator: MOREIRA, Diego Góes
metadata.dc.contributor.advisor1: PASCHOAL, Eric Homero Albuquerque
metadata.dc.contributor.advisor-co1: BASTOS, Vanessa Albuquerque Paschoal Aviz
Issue Date: 2017
Citation: MOREIRA, Diego Góes. Monitorização multimodal sob estimulação cortical nas cirurgias para clipagem de aneurismas intracranianos. Orientador: Eric Homero Albuquerque Paschoal. 2017. 64 f.Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Medicina) - Faculdade de Medicina, Instituto de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Pará, Belém, 2017. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1283. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O uso da monitorização neurofisiologia intraoperatória (MNIO) na neurocirurgia representa um avanço no tratamento cirúrgico dos aneurismas intracranianos. O objetivo desse deste trabalho foi demonstrar a importância da ferramenta na microcirurgia para clipagem de aneurismas da artéria cerebral média, a fim de prevenir e reduzir a morbidade para os pacientes. Foram avaliados 23 pacientes (Grupo I com MNIO) e 15 pacientes (Grupo II sem MNIO), portadores de aneurismas intracranianos no Hospital do Coração do Pará, no período de janeiro à dezembro de 2016. O sexo feminino foi predominante na série. Na série de pacientes, houve maior inferência à ancestralidade ameríndia, o fator de risco modificável de maior relevância foi a hipertensão arterial sistêmica (HAS) e a queixa clínica mais frequente foi a cefaleia em 87% no grupo I e 80% no grupo II. Todas as variáveis aferidas mostraram relevância estatística para avaliação dos resultados (p < 0,0001) quanto a previsão de déficits. Entre os aspectos de angioarquitetura o lado direito foi o mais comum, bem como a morfologia da artéria cerebral média com bifurcação no segmento M2 foi mais evidente, assim como entre o tamanho a maioria dos aneurismas apresentou –se com o maior diâmetro de 5 mm em 42% dos pacientes e domus irregular em 50%. Aproximadamente 45% dos pacientes do grupo I foram distribuídos com Phases score 3,5% e no grupo II 66% apresentou o mesmo escore. Esse foi um dos critérios utilizados para avaliar o risco de hemorragia para o aneurisma. A ressonância magnética de encéfalo demonstrou o sinal inflamatório com significância, no grupo I (p 0,0365). A avaliação da MNIO apresentou que a queda de potencial foi o parâmetro de maior relevância (p < 0,01), em que 1/4 dos pacientes apresentou déficit motor no pós-operatório. Com isso, mais de 90% dos pacientes apresentou resultados favoráveis na escala de Rankin modificada e na Glasgow outcome scale. Conclui-se que a utilização da MNIO nas clipagens de aneurismas da artéria cerebral média é um método útil na prevenção de agravos permanentes.
Abstract: The use of intraoperative neurophysiology monitoring (MNIO) in neurosurgery represents an advance in the surgical treatment of intracranial aneurysms. The aim of this work was to demonstrate the importance of the tool in the microsurgery for clipping middle cerebral artery aneurysms in order to prevent and reduce morbidity for patients. We evaluated 23 patients (Group I with MNIO) and 15 patients (Group II without MNIO), who had intracranial aneurysms at the Hospital do Coração do Pará from January to December 2016. The female gender was predominant in the series. In the series of patients, there was a greater inference to Amerindian ancestry, and the most frequent modifiable risk factor was systemic arterial hypertension (SAH) and the most frequent clinical complaint was headache in 87% in group I and 80% in group II. All the measured variables showed statistical relevance for the evaluation of the results (p <0.0001) for the prediction of deficits. Among the aspects of angioarchitecture the right side was the most common, as well as the morphology of the middle cerebral artery with bifurcation in the M2 segment was more evident, just as among the size most of the aneurysms presented with the largest diameter of 5 mm in 42% of patients and irregular domus in 50%. Approximately 45% of the patients in group I were distributed with Phases score 3.5% and in group II 66% presented the same score. This was one of the criteria used to assess the risk of bleeding to the aneurysm. Magnetic resonance imaging of encephalon demonstrated the inflammatory signal with significance in group I (p 0.0365). The MNIO evaluation showed that the potential drop was the parameter of greatest relevance (p <0.01), in which 1/4 of the patients presented motor deficit in the postoperative period. As a result, more than 90% of the patients presented favorable results on the modified Rankin scale and the Glasgow outcome scale. It is concluded that the use of MNIO in clipping of middle cerebral artery aneurysms is a useful method for the prevention of permanent damage. Keywords: aneurysm; clipping; monitoring.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CIRURGIA::NEUROCIRURGIA
Keywords: Aneurisma
Clipagem
Monitoração
Microcirurgia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source.uri: Disponível na internet via correio eletrônico: bibsaude@ufpa.br
Appears in Collections:Faculdade de Medicina - FAMED/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_MonitoracaoMultimodalSob.pdf1,16 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons