Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1137
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Composição da comunidade fitoplanctônica do Rio Guamá e Baía do Guajará, município de Belém (Pará, Brasil)
metadata.dc.creator: LIMA JUNIOR, Paulo Roberto Carvalho de
metadata.dc.contributor.advisor1: SENA, Bethânia Alves
metadata.dc.contributor.advisor-co1: PETRACCO, Marcelo
Issue Date: 29-Apr-2016
Citation: LIMA JUNIOR, Paulo Roberto Carvalho de. Composição da comunidade fitoplanctônica do Rio Guamá e Baía do Guajará, município de Belém (Pará, Brasil). Orientadora: Bethânia Alves Sena. 2016. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Oceanografia) - Faculdade de Oceanografia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2016. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1137. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo teve como objetivo caracterizar a comunidade fitoplanctônica da baía do Guajará e rio Guamá, uma vez que estes corpos hídricos concentram em sua margem direita o setor portuário e têm servido como receptores de efluentes doméstico e industriais. As amostras biológicas foram coletadas em cinco estações georrefenciadas, sendo duas ao longo do rio Guamá e três na Baía do Guajará, mensalmente durante o período de junho/2012 a maio/2013, em arrastos horizontais na subsuperfície da água durante cinco minutos, utilizando-se rede de plâncton cônica e cilíndrica (malha de 20μm de abertura). Concomitantemente, foram registrados, in situ, os parâmetros físicos e químicos (temperatura, oxigênio dissolvido e pH) na superfície da água, os quais estiveram dentro da normalidade para a região amazônica. Foi identificado um total de 36 espécies, distribuídas em 25 gêneros, 18 famílias e quatro classes. Em relação à composição e distribuição da comunidade fitoplactônica, as diatomáceas e clorofíceas foram os grupos mais representativos. As espécies Aulacoseira granulata, Polymyxus coronalis e Coscinodiscus sp. foram classificadas como pouco abundante e os demais organismos considerados raros. Em relação à frequência de ocorrência: Polymyxus coronalis, Coscinodiscus sp., Eudorina elegans, coscinodiscus oculus-iridis e Cyclotella meneghiniana foram observadas com 100% de frequência durante os meses amostrados. A densidade fitoplanctônica foi maior nos meses de menor pluviosidade, devido ao aumento da zona eufótica e consequente aumento da densidade fitoplanctônica. Os índices de diversidade e equitabilidade não apresentaram diferenças significativas entre pontos amostrais. A baixa diversidade foi explicada pela predominância de poucas espécies, mas em abundância. De modo geral, a composição florística, frequência de ocorrência, densidade, equitabilidade e diversidade do rio Guamá e da baía do Guajará estão de acordo com outros ecossistemas aquáticos estuarinos da região amazônica.
Abstract: This study present had as objective to characterize the phytoplankton community Guajará bay and river Guama, since these water bodies concentrate in its margin right the port sector and have served as domestic and industrial effluents receivers. Biological samples were collected in five georeferenced stations, including two along the Guama River and three in the Bay of Guajará, monthly, during the period from June/2012 to May/2013, in horizontal hauls in subsurface water for five minutes, using conical-cylindrical plankton net (20μm mesh opening). Concomitantly, they were recorded in situ physicochemical parameters (Temperature, pH and Dissolved Oxygen) on the surface of water, within the normal for the Amazon region. A total of 36 species were identified, distributed in 25 genera, 18 families and four classes. About composition and distribution of phytoplankton community, diatoms and chlorophytes were the most representative groups. The species Aulacoseira granulata, Polymyxus coronalis and Coscinodiscus sp. were classified as little abundant and other organism considered rare. About frequency of occurrence: Polymyxus coronalis, Coscinodiscus sp., Eudorina elegans, coscinodiscus oculus-iridis and Cyclotella meneghiniana were observed with 100% frequency during the sampling period. The density was superior during the dry seasons, due to increased photic zone and consequent increase in Phytoplankton density. The diversity indices and evenness showed no significant differences between sample points. Low diversity was explained by the dominance of a few species, but in abundance. In general, the floristic composition, frequency of occurrence, density, evenness and diversity of the Guamá River and Guajará Bay are according to other estuarine aquatic ecosystems of the Amazon region.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::OCEANOGRAFIA::OCEANOGRAFIA BIOLOGICA::INTERACAO ENTRE OS ORGANISMOS MARINHOS E OS PARAMETROS AMBIENTAIS
Keywords: Fitoplâncton
Baía do Guajará - PA
Rio Guamá - PA
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Oceanografia - FAOC/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_ComposicaoComunidadeFitoplanctonica.pdf588,99 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.