Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1133
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Mineralogia e geoquímica dos pelitos e carbonatos da formação alcântara, cretáceo superior da bacia de São Luis - Grajaú
metadata.dc.creator: AMORIM, Kamilla Borges
metadata.dc.contributor.advisor1: ANGÉLICA, Rômulo Simões
metadata.dc.contributor.advisor-co1: NOGUEIRA, Afonso César Rodrigues
Issue Date: 2010
Citation: AMORIM, Kamilla Borges. Mineralogia e geoquímica dos pelitos e carbonatos da formação alcântara, cretáceo superior da bacia de São Luis - Grajaú. Orientador: Rômulo Simões Angélica. 2010. 74 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geologia) – Faculdade de Geologia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2010. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1133. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A sucessão sedimentar inferior do Grupo Itapecuru, representada pela formação Alcântara, encontra-se bem exposta na região de Alcântara (MA). Esta formação é constituída por pelitos, arenitos e dolomitos. Esses litotipos representam uma sucessão progradacional de depósitos de leguna/woshover e canal de maré sobrepondo-se a depósitos de shoreface gerados por processos de tempestade de grande intensidade. Nos últimos anos, os trabalhos realizados sobre a Formação Alcântara apresentaram como enfoque principal os estudos sedimentológicos e estratigráficos, visando a interpretação paleoambiental. O presente trabalho tem como enfoque principal à caracterização mineralógica e geoquímica dos argilominerais que ocorrem nos níveis pelíticos da Formação Alcântara, especialmente a palygorskita, além dos níveis carbonáticos associados e levantar proposições quanto a sua gênese. Para esse fim, foram descritos e amostrados dois perfis geológicos, um na Praia da Baronesa e outro na Ilha do Livramento, na cidade de Alcântara (MA). Foram coletadas 14 amostras, que após a preparação em laboratório, foram submetidas a análises mineralógicas e químicas por: Difração de Raios-X (DRX), Fluorescência de Raios-X (FRX), Análise Termodiferencial (ATD) e Termogravimétrica (TG), Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e Petrografia (duas amostras de dolomito). Os resultados mostraram que o perfil da Praia da Baronesa é composto por arenitos na base, seguido de pelitos dominantes, com intercalações de dolomitos. Nos pelitos, foram descritos uma ampla assembléia de argilominerais, em ambiente lagunar, com variações no conteúdo palygorskita, clorita, illita, esmectita e traços de caulinita. Observam-se ainda traços de dolomita, calcita e feldspatos. No perfil da Ilha do Livramento, dominam os arenitos depositados por processos de tempestade, com menores proporções de pelitos e sem dolomitos associados. No perfil da Praia da Baronesa os teores de palygorskita e dolomita (níveis dolomiticos) são acentuados, sugerindo que as condições climáticas durante o período de deposição foram áridas a semi-áridas, com alta evaporação, com salinidade relativamente elevada e pH alcalino no ambiente. Duas gerações de palygorskita foram descritas, uma na forma de bolsões ou acumulações macroscópicas, freqüentemente descritas na literatura, e outra na forma maciça, como o mineral dominante nos níveis pelíticos superiores do perfil da Praia da Baronesa. Essa segunda geração não era conhecida, podendo constituir em níveis métricos e que podem revelar interesse econômico.
Abstract: The lower sedimentological succession of the Itapecuru Group is represented by the Alcantara Formation, with several outcrops in the Alcantara region (Maranhão state, northern Brazil). This unit is mainly constituted by mudstones, sandstones and limestones. These litotypes represent a progradacional succession of lagun/washover and tidal channel deposits that overlap huge shoreface deposits. In the last years, sedimentological and stratigraphical studies dealing with the Alcantara Formation were most related to paleoambiental interpretation. The main purpose of this work is to carry out a mineralogical and geochemical characterization of the clay minerals association related to the pelitic rocks of the Alcantara Formation, specially the known palygorskite occurrences. The Limestones were also investigated in order to evaluate their origin and the relationship with the clay minerals. Two geological profiles were sampled and described in the Alcantara city: at the Baronesa beach, and another one at the Livramento Island. Fourteen samples were collected in these two profiles. After laboratory preparation (drying and grinding) samples were submitted to mineralogical and chemical analysis by means of the following techniques: x-ray diffraction (XRD), x-ray fluorescence (XRF), differential thermal analysis (DTA) and thermal gravimetric analysis (DTG), scanning electron microscopy (SEM) and petrography (two samples of limestones). The results showed that the Baronesa Beach profile is mainly composed by sandstones at the base, followed by mudstones and intercalations of limestones. A wide clay mineral assemblage was described in a lagoon environment, with different contents of palygorskite, chlorite, illite, smectite and traces of kaolinite. Small amounts of dolomite, calcite and feldspars were also observed. In the Livramento Island, sandstones deposited by storm-processes are dominant, with minor proportion of mudstones and clearly without associated dolomites. In the Baronesa Beach profile, climatic conditions during the deposition period were arid to semi-arid, with high evaporation, and relatively high salinity and alkaline pH. Two generations of palygorskite were described: white macroscopic accumulations easily observed in the field and frequently described in the literature; and massive accumulation, as the dominant mineral, in the upper muddy levels of the Baronesa Beach profile. This second generation was still not known, and may constitute metric levels with potential economic interest.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Keywords: Mineralogia
Geoquímica
Palygorskita
Bacia de São Luís - MA
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Faculdade de Geologia - FAGEO/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_MineralogiaGeoquimicaPelitos.pdf5,02 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons