Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdm.ufpa.br:8443/jspui/handle/prefix/1039
Compartilhar:
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso - Graduação
Title: Geotecnologias aplicadas à análise socioambiental do alto curso da bacia hidrográfica do Rio Uraim (Paragominas-PA): contribuições aos estudos integrados
metadata.dc.creator: SOUSA, Sâmila Leslien Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: MIRANDA, Lúcio Correia
Issue Date: 11-Jan-2019
Citation: SOUSA, Sâmila Leslien Silva. Geotecnologias aplicadas à análise socioambiental do alto curso da bacia hidrográfica do Rio Uraim (Paragominas-PA): contribuições aos estudos integrados. Orientador: Lúcio Correia Miranda. 2019. 54 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Tecnólogo em Geoprocessamento) – Campus Universitário de Ananindeua, Universidade Federal do Pará, Ananindeua, 2019. Disponível em: http://bdm.ufpa.br/jspui/handle/prefix/1039. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: A percepção de bacia hidrográfica como unidade de planejamento e gestão ambiental tem se tornado cada vez mais presente nas políticas de ordenamento territorial em diferentes esferas e escalas espacial e temporal, ascendendo às fronteiras nacionais. Nesta perspectiva, este trabalho, se dá a analisar o uso e ocupação do solo, através da aplicação da geotecnologia, no alto curso da bacia do rio Uraim, que está situada no município de Paragominas, no estado do Pará, entre as seguintes coordenadas longitude 47º15’0’’W; 47º30’0’’W e latitude 2º55’0’’S; 3º20’0’’S. A bacia constitui-se de um conjunto de rios, cujo canal principal corta a zona urbana do município de Paragominas - PA, o que potencializa a necessidade de uma atenção voltada à bacia, principalmente por tratar-se de rio de grande importância. Pois, além de abastecer a cidade o rio também é depositório de efluentes urbanos, o que contradiz as diretrizes nacionais vinculadas às Políticas Nacionais do Meio Ambiente. Dado o contexto deficitário das ações de gestão das bacias hidrográficas na conjuntura nacional, a bacia em análise se encontra submetida às pressões antropogênicas geradoras de impactos ambientais, desconsiderando as peculiaridades dos sistemas ecológicos locais e, sobretudo, desvinculando a necessidade da efetivação das ações da conservação ambiental como uma condição à promoção da qualidade de vida da população local. Com base nisto, esta pesquisa foi realizada com intuito de identificar áreas de conflitos de uso dentro das zonas legalmente instituídas como Áreas de Preservações Permanentes (APP’s), bem como a intensificação das atividades agropecuárias e a ampliação dos núcleos urbanos no recorte espaço-temporal, destacando a supressão da vegetação ao longo das paisagens analisadas. Percebe-se que ao longo do tempo as paisagens naturais foram transformadas progressivamente, na ausência do cumprimento das normativas legais, para dar lugar às atividades produtivas antrópicas, dentre elas predominam o crescimento da zona urbana e o aumento de atividades agropecuárias. Deste modo, baseou-se nas técnicas e ferramentas de Sensoriamento Remoto e Sistema de Informação Geográfica para o alcance dos resultados. Para isso, foi feita a aquisição de quatro imagens de satélite sendo três delas de Landsat 5 e uma Landsat 8, sensores TM e OLI, respectivamente, adquiridas através do site do INPE e do Serviço Geológico Americano (USGS), às quais submetidas aos procedimentos de classificação pelo processamento digital de imagens. Os resultados foram obtidos através da classificação supervisionada de imagens utilizando o ArcGIS, almejando identificar, quantificar e espacializar as diferentes classes de uso e ocupação do solo do alto curso da bacia supracitada ao longo dos anos de 1984, 1995, 2008 e 2017. Nesta perspectiva, a geotecnologia se constitui como uma ferramenta de extrema importância no auxílio ao planejamento e gestão ambiental, oferecendo às tomadas de decisões com maior rapidez e precisão conforme o conhecimento das especificidades socioespaciais.
Abstract: The perception of the watershed as the unit of planning and environmental management has become increasingly present in the policies of territorial planning in the different spheres and scales in space and time, rising to national borders. In this perspective, this work, if it gives to analyze the use and occupation of the soil, through the application of geotechnology, in the upper course of the watershed of river Uraim, which is located in the municipality of Paragominas, in Pará state, between the following coordinates longitude 47º15’0’W; 47º30’0’W and latitude 2º55’0’’S. The basin is a series of rivers, whose main channel cuts through the urban area of the municipality of Paragominas - PA, which leverages the need of a attention towards the basin, mainly due to it being a river of great importance. Because, besides supplying the city, the river is also depository effluents, which contradicts the national guidelines linked to the National Policies of the Environment. Given the context deficit of the actions of the river basin management in the national context, the basin in the analysis is finding subjected to the pressures of anthropogenic generation of environmental impacts, without regard to the peculiarities of the ecological systems, local and, above all, unbinding the need of the implementation of the actions of environmental conservation as a condition to the promotion of the quality of life of the local population. Based on this, this research was undertaken with a view to identifying areas of conflicts of use within the zones legally established as Areas of Permanent Preservations (APP's), as well as the intensification of farming activities and the expansion of urban cores in the clipping temporal space, highlighting the removal of vegetation across the landscapes analyzed. Realize that over time the natural landscapes have been transformed progressively, in the absence of compliance with the normative legal, to give place to the productive activities of people, among them predominate the growth of the urban area and the increase of farming activities. In this way, was based on the techniques and tools of Remote Sensing and Geographic Information System for the achievement of results. For this, we have made the acquisition of four satellite images being three of them of Landsat 5 and Landsat 8, the sensors TM and OLI, respectively, acquired through the website of the INPE and of the American Geological Service (USGS), which subject to the procedures of classification by digital image processing. The results were obtained through the supervised classification of images using the AircGIS, aiming to identify, quantify and specialty the different classes of use and occupation of the soil of the upper course of the basin above the years of 1984, 1995, 2008, and 2017. In this perspective, the geotechnology constitutes a very important tool in an aid to planning and environmental management, providing decision making with greater speed and precision as the knowledge of the specifics socio-spatial.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL::METODOS E TECNICAS DO PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL::TECNICAS DE PLANEJAMENTO E PROJETO URBANOS E REGIONAIS
Keywords: Planejamento e gestão de bacias hidrográficas
Sensoriamento remoto
Baia Hidrográfica do Rio Uraim
Planning and river basin management
Remote sensing
Watershed of River Uraim
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Curso de Geoprocessamento - CANAN

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_GeotecnologiasAplicadasAnalise.pdf6,63 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons